Três mil cabeças de gado devem ser imunizados em comunidades indígenas - Folha de Boa Vista
FEBRE AFTOSA
Três mil cabeças de gado devem ser imunizados em comunidades indígenas
A meta é vacinar todo o rebanho bovino das 17 comunidades indígenas de Boa Vista
Por Folha Web
Em 19/10/2021 às 06:00
Além de vacinado contra a febre aftosa e brucelose, o rebanho indígena é vermifugado com ivermectina (Foto: Divulgação)

A segunda etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa começou nessa segunda-feira,18, na Comunidade indígena Truaru da Cabeceira, localizada a 65km da capital. A meta é vacinar todo o rebanho bovino das 17 comunidades indígenas do município. A primeira etapa foi no mês de abril, quando foram vacinados cerca de 3.200 animais.

Para o primeiro tuxaua Alcemir Duarte, o apoio da prefeitura tem sido fundamental para a comunidade garantir a saúde do rebanho. “Temos cerca de 250 animais e a vacinação é uma proteção para o nosso rebanho. As equipes realizam essa ação todos os anos, nos dando orientações para continuar com a criação de animais saudáveis e protegidos”, afirmou.

A ação é coordenada pela equipe da Secretaria Municipal de Agricultura e Assuntos Indígenas (SMAAI). Além de vacinado contra a febre aftosa e brucelose, o rebanho indígena é vermifugado com ivermectina, um vermífugo de primeira linha que protege o gado contra parasitas.

De acordo com o secretário adjunto de agricultura, Cezar Riva, a imunização dos animais faz parte da assistência prestada de forma continuada anualmente nas comunidades. “Realizamos as ações de apoio e assistência técnica nas comunidades indígenas desde a entrega das matrizes, suplementação alimentar, fornecimento de arame para contenção do rebanho e a cobertura vacinal que é extremamente importante para a erradicação da febre aftosa”, explicou.

Febre Aftosa – Trata-se de uma doença grave, altamente contagiosa, responsável por grandes prejuízos econômicos e sociais. Afeta principalmente bovinos e bubalinos de todas as idades, podendo afetar também animais de cascos bipartidos, como suínos, ovinos e caprinos. A doença pode ser transmitida através do contato direto com outros animais infectados pelo vírus ou por alimentos e objetos contaminados.

Cronograma de vacinação

19/10/21 – Terça-feira

Manhã: Vacinação do rebanho na Comunidade Serra do Truaru

Tarde: Vacinação do rebanho na comunidade Morcego

 

20/10/21 – Quarta-feira

Manhã: Vacinação do rebanho na Comunidade Bom Jesus

Tarde: Vacinação do rebanho na Comunidade Lago Grande

 

21/10/21 – Quinta-feira

Manhã: Vacinação do rebanho na Comunidade de Lago Grande

Tarde: Vacinação do rebanho na Comunidade Aakan e Milho

22/10/21 – Sexta-feira

Manhã: Vacinação do rebanho na Comunidade Mauixi

Tarde: Vacinação do rebanho na Comunidade Três Irmãos

 

25/10/21 – Segunda-feira

Manhã: Vacinação do rebanho na Comunidade Campo Alegre

Tarde: Vacinação do rebanho na Comunidade Ilha e Vista Nova

 

26/10/21 – Terça-feira

Manhã: Vacinação do rebanho na Comunidade Vista Alegre

Tarde: Vacinação do rebanho na Comunidade São Marcos

 

27/10/21 – Quarta-feira

Manhã: Vacinação do rebanho na Comunidade Darôra

Tarde: Vacinação do rebanho na Comunidade Teiu

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
3
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!