PUBLICIDADE
CHUVAS
Comerciante denuncia falta de alimentos em Uiramutã
Segundo ele, produtos básicos não chegam ao município devido as condições das estradas
Por Folha Web
Em 17/06/2019 às 17:28
Produtos básicos não chegam ao município devido as condições das estradas (Foto: Divulgação)

Um comerciante denuncia a falta de produtos básicos no município de Uiramutã. Segundo ele, faltam mercadorias como frango, calabresa e combustível para motocicletas e embarcações.  Ele alega que a dificuldade na via de acesso na região da Água Fria vem prejudicando os moradores.

Segundo ele, as chuvas intensas ocorrem há cerca de uma semana deixando a vicinal de acesso intrafegável.

“Moro em Uiramutã, sou comerciante naquela região, estamos mais de uma semana com difícil acesso devido às chuvas os nossos representantes tiveram o verão inteiro pra fazer ou arrumar os bueiros e nada fizeram. Hoje, estamos com dificuldades pra chegar com as mercadorias” relatou.

PUBLICIDADE

Prefeitura de Uiramutã - 'A estrada estadual RR 171 dá acesso à comunidade de Água fria e demais comunidades da região. Ano passado foram realizados serviços emergenciais de forma paliativa nesse trecho e após o inverno rigoroso conseguiu dar trafegabilidade. O serviço na região é considerada de elevado custo e técnica, e por se tratar de uma estrada estadual requisitamos diversas vezes aos órgãos estaduais Seinf e Civil para resolver a situação, inclusive o último documento foi datado no dia 15 de março de 2019.

'Foi solicitado ao governo do Estado de Roraima realização da recuperação e manutenção das pontes do Salgado, Matinha. Nova Jerusalém  neste trecho da Água fria e ainda aguardamos resposta. A Defesa Civil Estadual esteve no local ao longo deste período monitorando o estado trecho e também aguarda providências" informou.

Governo do Estado - A Seinf (Secretaria Estadual de Infraestrutura) informa que, com relação à situação de uma ponte localizada na estrada que dá acesso às comunidades de Água Fria e Cajú, no Uiramutã, existe um plano de manutenção de pontes de madeira em todo o Estado, que vai contemplar o município, porém o Governo do Estado ainda não dispõe dos recursos para a sua execução e aguarda a alocação de recursos de emenda parlamentar para que possa ser colocado em licitação.

***
Gostou?
1
1
Saúde Caburai disse: Em 17/06/2019 às 23:57:16

"Passagem molhada até o hoje o Governo estadual não consertou"

Saúde Caburai disse: Em 17/06/2019 às 23:55:58

"desde de 2016 tem uma passagem molhada que seria provisória e acabou virando permanente. Quando chove temos que ficar esperando a água baixar"