Culturas, indígena e gaúcha, se integram no Arraial do Anauá - Folha de Boa Vista
DIVERSIDADE CULTURAL
Culturas, indígena e gaúcha, se integram no Arraial do Anauá
Festa junina segue até o dia 2 de julho, no Parque Anauá
Por Folha Web
Em 28/06/2017 às 00:13
Fotos: Secom RR

De um lado, um chapéu pralana, uma bombacha, um poncho. Do outro, um cocar, uma darruana e um pedaço de beiju. Tudo isso está na Galeria de Artes Luiz Canará, representando itens culturais tão distantes uns dos outros que se aproximam e dão boas vindas aos visitantes do 26º Arraial do Anauá – Do Caburaí ao Chuí: O melhor arraial do Brasil é aqui.

A Galeria fica anexa ao anfiteatro do Parque Anauá, onde estão ocorrendo as apresentações das quadrilhas e grupos folclóricos. Lado a lado, a casa gaúcha e a maloca indígena cumprem à risca o tema da festa, que aborda os pontos extremos do Brasil.

Segundo Cecy Brasil, responsável pelo memorial da Galeria de Artes, a proposta é, além de valorizar a cultura indígena e gaúcha, mostrar também a geografia, abordando os pontos mais extremos do País, uma vez que o Caburaí passou a ser o mais extremo do Norte desde 2002 e, ainda assim, a população continua confundindo com o Oiapoque.

O mineiro Renieverton Telles, 25, foi atraído justamente pela diversidade apresentada pela exposição. “Estou em Roraima pela primeira vez e gostei muito desse espaço, pois proporciona conhecermos não só a cultura indígena, tradicional na Região Norte, como também a cultura gaúcha em outra localidade, isso é muito importante”, comentou.

PROGRAMAÇÃO – Além da exposição, o Parque Anauá está repleto de apresentações musicais e culturais. Entre às 17h e às 22h, A Tenda Literária terá show do Palhaço Grampinho, atividades de pintura, leitura, contação de histórias e um sorteio literário.

As apresentações das quadrilhas juninas começam às 19h com a Rede Cidadania Atenção Especial, com o tema “Uma noite especial de São João”. Depois segue o concurso com as apresentações das quadrilhas Luar do Sertão, São Vicente, Garranxé e Quadrilha Escola Forrozão.

No palco alternativo se apresenta o Grupo Forrozão Pizada Quente e no Forródromo tem as Bandas Sabá do Kateretê, às 22h, e Arikê à 00h.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
3
1
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!