PUBLICIDADE
RÁDIO FOLHA 100.3
Folha Sports completa sete meses no ar nesta sexta-feira
O publico interage e participa com os apresentadores pelas ondas sonoras do rádio e nos ao vivo das redes sociais
Por Bennison de Santana
Em 02/08/2019 às 11:01
A apresentação do Folha Sports é de Diego Teixeira, Samuel Cirício e Ciro Coelho (Foto: Diane Sampaio/Folha BV)

Papo descontraído, resenha ao vivo e muito assunto esportivo. Esse são os elementos que o público acompanha no Folha Sports, transmitido no fim das tardes na Rádio Folha FM 100.3. Hoje, dia 2 de agosto, o programa completa sete meses no ar, sob a apresentação de Diego Teixeira, Samuel Ciricio e Ciro Coelho.

No ar de segunda a sexta feira, das 17h às 18h, o Folha Sports tem despertado cada vez mais o interesse dos amantes do esporte, em especial do futebol. O público  interage e participa com os apresentadores pelas ondas sonoras da rádio e nas transmissões ao vivo nas redes sociais.

Os apresentadores do programa fazem análise, comentários sobre o que de mais importante aconteceu no dia anterior, e irá ocorrer nos principais campeonatos do país e do exterior, em diversas modalidades. O clima descontraído tem sido um dos pontos fortes da atração esportiva da Rádio Folha.

PUBLICIDADE

Em um rápido bate-papo, Diego, Samuel e Ciro revelaram como nasceu o programa e contaram um pouco mais da paixão que possuem pelo esporte.

“A ideia de fazer o programa surgiu pelo fato de gostarmos muito de falar sobre futebol, uma conversa de amigos. Então porque não levar essa dinâmica de bate papo para a rádio? A acabou que amadurecemos [a ideia] e decidimos desenvolver mais para um olhar mais técnico, tático de se ver o esporte. Agora a gente consegue acompanhar vários times, mas também tem momentos que a gente brinca com isso”, contou Diego Teixeira. 

“Era só bate bola entre os amigos, mas agora é um negócio mais sério pra nós. São sete meses, e passou rápido, mas o programa ainda está engatilhando. Estamos desenvolvendo”, acrescentou o Ciro Coelho.

“A gente tentou fazer assim: Pegou os principais programas de bancada, SporTV, Fox, ESPN e tentou adaptar da melhor maneira. É uma inspiração que tem dado certo”, completou Diego.

Outro apresentador, Samuel Ciricio, revelou a Folha como tem sido o retorno do programa com relação aos seus ouvintes.

“A gente recebe feedback em todos os sentidos. Já tratamos do basquete, do UFC, Jiu-Jitsu, e o feedback é bem legal. Tem vários tipos de pessoas que dão esse retorno. A gente tem amigos que acompanham fielmente o programa e isso é muito legal. A gente nunca espera esse tipo de coisa e quando percebe, já tá acontecendo”, declarou.

Perguntados sobre o maior desafio de gerenciar um programa de esportes, os apresentadores foram unanimes ao falar da inexperiência no rádio.

“Pra mim o melhor foi o primeiro programa. A gente nunca tinha feito rádio, e estávamos nervosos, foi bem diferente”, ressalta Teixeira.

“A primeira semana, a experiência do início. A gente ficava gaguejando. Era difícil segurar o nervosismo”, completou Ciricio.

Samuel Ciricio falou sobre o sucesso da primeira temporada do quadro Fanáticos. 

“O quadro 'Fanáticos' que a gente fez foi um dos melhores programas. Foi onde a gente conseguiu trazer torcedores fanáticos dos quatro grandes clubes de São Paulo, e quatro grandes do Rio. Acho que pra nós foi o mais satisfatório, que atraiu mais o público e que deu maior retorno”, ressaltou.

RETORNO DO OUVINTE - Um dos ouvintes assíduos é o motorista Luiz Zógob. Ele afirmou ficar ligado o tempo inteiro na programação da Rádio Folha e que o Folha Sports é o seu favoritos, pois o deixa por dentro do mundo esportivo.

“O programa veio pra somar. A Rádio Folha estava necessitando de um programa esportivo. Já tinha um, mas esse veio mais completo. A galera aí tá de parabéns. A gente vem sempre querendo saber informações dos clubes nacionais, A, B, C, D. Agora o futebol local também precisa ser assistido. Não me atrapalha, a gente tá trabalhando e a rádio ligada direto na 100,3 no carro e a gente está ouvindo. Quando é 17h não é diferente, estamos ligados nessa galera boa aí”, comentou.

Além do quadro Fanáticos que entrevista um torcedor de um grande clube do Brasil, cada sexta-feira o programa convida um profissional que cuida da saúde esportiva para tratar do referido assunto.

O programa estreou no dia 02 de janeiro deste ano e tem sido um dos carros chefes na programação da Rádio Folha, que passou de AM 1.020 para 100.3 FM. A migração de AM (Amplitude Modulada) para FM (Frequência Modulada) ocorreu no dia 21 de outubro de 2018, data em que o Jornal Folha de Boa Vista completou 35 anos e a Rádio Folha 15 anos de aniversário de fundação.

VEJA MAIS:

Confira a entrevista de Thiago Maia na Rádio Folha
Novo programa debate esporte na Rádio Folha

***
Gostou?
5
0
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!