Avaliador técnico do Flamengo selecionará talentos em Roraima - Folha de Boa Vista
PENEIRA GRATUITA
Avaliador técnico do Flamengo selecionará talentos em Roraima
Jhones Santos vem em busca de jogadores bons de bola em evento voltado para atletas de nove a 16 anos. Organização vai exigir, de jogadores entre 12 a 16 anos, a apresentação da carteira de vacinação
Por Folha Web
Em 15/10/2021 às 12:30
Jhones Santos foi atacante de clubes como Fortaleza e Brasiliense (Foto: Divulgação)

A escolinha Grêmio Esporte Roraima vai realizar nos dias 27 e 28 de novembro, na Vila Olímpica Roberto Marinho, seletiva gratuita para talentos do futebol nascidos entre 2005 e 2012, com a presença do avaliador técnico Jhones Santos, ex-atacante de clubes como Fortaleza e Brasiliense.

Das 8h às 12h, a seletiva será para atletas de nove a 13 anos. E a partir das 14h, a peneira é para jogadores de 14 a 16. Os atletas interessados devem entrar em contato com o (95) 99110-5008 e se inscrever na pré-lista - só quem estiver nela, poderá entrar na Vila Olímpica.

A organização vai exigir, de jogadores entre 12 a 16 anos, a apresentação da carteira de vacinação. “Estamos tentando viabilizar com a Prefeitura de Boa Vista a permissão para que o responsável de cada jogador também entre na Vila”, explicou Bruno Farias, coordenador da escolinha.

À FolhaBV, Jhones enumerou três perfis de selecionados: os que vão direto para novas avaliações na base do clube, os que serão monitorados por um tempo e os que ficam na triagem do clube. “Não tem quantidade (exata de atletas selecionados). A gente espera sempre ter o máximo possível de atletas com perfil e qualidade pra ir pro clube”, destacou.

Jhones é formado em Educação Física e pós-graduado em Futebol e Futsal pela Faculdade Albert Einstein (DF) e tem curso de treinador (Licença A) pela CBF. Como treinador, já comandou o Brasiliense e foi assistente de competição na Copa do Mundo Sub-17.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
0
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!