PUBLICIDADE
COSTA E SILVA
Escola Estadual desenvolve projeto de prevenção ao bullying
Desde o ano de 2009, a escola desenvolve o projeto EEPCS contra o Bullying, por meio do qual os alunos são sensibilizados a combater comportamentos discriminatórios
Por Folha Web
Em 01/11/2017 às 13:00

Na manhã desta quarta-feira, dia 1.° de novembro, a comunidade escolar da Escola Estadual Presidente Costa e Silva participou de mais uma edição do projeto “EEPCS contra o Bullying”. O evento, que também é alusivo ao mês de combate ao Bullying, foi realizado  no refeitório da escola.

Alunos e professores apresentaram diversas atividades com o intuito de sensibilizar a comunidade do bairro São Francisco e adjacentes, as famílias e a sociedade para a existência do Bullying, suas causas e consequências, objetivando atender ao direito de toda criança e adolescente, promovendo a proteção integral em um ambiente seguro e saudável, formando cidadãos solidários, justos e respeitadores da relação humana e de suas diferenças.

De acordo com a coordenadora do projeto, a professora de língua portuguesa, Maria de Fátima Almeida Figueiredo, com a abordagem desse tema, a escola se propõe a diagnosticar e implementar ações de redução ao comportamento agressivo, intimidatório e discriminatório, que são causadores do desequilíbrio na relação de poder entre os alunos. “Mesmo estando no século XXI, a sociedade não sabe conviver com as diferenças e praticam agressões intencionais sejam físicas, verbais, psicológicas, que são praticadas de maneira repetitiva entre pessoas da mesma faixa etária. Portanto, é um problema social, mundial, que fica evidente na maioria das escolas, gerando conflitos e prejuízos às vítimas. Uns se isolam, outros ficam com problemas na aprendizagem, outros entram em depressão e muitos cometem suicídios ou até matam seus agressores”, explicou a professora.

Desde o ano de 2009, a escola desenvolve o projeto EEPCS contra o Bullying, por meio do qual os alunos são sensibilizados a combater comportamentos discriminatórios, com palestras, exibição de filmes, debates, apresentações musicais e teatrais, além de produção de textos, desenhos e poesias.

“O projeto do Bullying está inserido no Projeto Político Pedagógico (PPP) da escola e é desenvolvido durante o ano letivo pela equipe escolar, levando os alunos a refletirem acerca da importância do respeito mútuo e das diferenças individuais”, disse a gestora-pedagógica da EEPCS, professora Jeane Soares Batista Lima.

Promover a valorização do ser humano contribuindo com a construção do conhecimento e mudanças de atitudes, promovendo ainda a melhoria da qualidade de vida e bem-estar social dos alunos. Este é o papel da escola.

 

***
Gostou?
6
0
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!