LULA SOLTO
Ex-presidente pode sair da prisão a qualquer momento
A pré-candidatura de Lula, antes mesmo do alvará de soltura, já está sendo lançada em vários estados do Brasil, assim como em Roraima
Por Folha Web
Em 08/07/2018 às 12:16
Os parlamentares autores do pedido de habeas corpus se encaminharam na manhã deste domingo, dia 8, para a sede da Polícia Federal para que a ordem seja cumprida

Durante o programa Agenda da Semana, da Rádio Folha 1020, o apresentador Getúlio Cruz, anunciou a recém saída do alvará de soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para ainda este domingo, dia 8, concedido pelo TFR-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região).


No momento do anúncio, Getúlio Cruz, que entrevistava a secretária adjunta Nacional de Organização do PT (Partido dos Trabalhadores), Jussara Dutra, com o secretário estadual agrário do PT, Flávio Lira, sobre a tática eleitoral e o lançamento da pré-candidatura de Lula em Roraima, aproveitou para fazer um panorama da situação.

Ele informou ainda que o juiz Sérgio Moro, que esteve à frente de toda ação que levou Lula á cadeia, rejeitou a decisão do desembargador Rogério Favreto, que concedeu habeas corpus na sexta-feira, dia 6, solicitado pelos deputados Wadih Damous, Paulo Pimenta e Paulo Teixeira, do Partido dos Trabalhadores (PT). Moro emitiu mandado de segurança para que a PF (Polícia Federal) não cumpra a decisão do desembargador.

Os parlamentares autores do pedido de habeas corpus se encaminharam na manhã deste domingo, dia 8, para a sede da Polícia Federal para que a ordem seja cumprida.

Nas redes sociais, discussões polarizadas tomam de conta, pois Rogério Favreto filiou-se ao PT em 1991, se desfiliando somente no ano de 2010, depois de ter ocupado alguns cargos dentro da gestão do PT nesse período. Ele também foi o único que votou pela saída de Moro das investigações da Operação Lava Jato, quando ele foi apontado como suspeito para atuar em um processo com o envolvimento de Lula.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!