PUBLICIDADE
NO INTERIOR E NA CAPITAL
Feriadão termina com seis mortes por acidentes de trânsito
A polícia não informou se casos têm relação com consumo de bebida alcoólica
Por João Barros
Em 07/03/2019 às 00:20

Desde segunda-feira, 4, até a manhã de Quarta-feira de Cinzas, 6, pelo menos seis pessoas morreram em decorrência de acidentes de trânsito. A polícia não informou se os casos têm relação com o consumo de bebida alcoólica nem mesmo as possíveis causas das mortes num intervalo de 48 horas.

A primeira vítima foi identificada como Jonathan da Cruz Silva, de 28 anos, morta após um capotamento na BR-432, no município do Cantá, ao passar pela ponte do “Sacolejo”. Ele morreu ainda no local, antes da chegada do socorro. A perícia realizou os procedimentos técnicos e o corpo foi removido à sede do Instituto de Medicina Legal (IML). Ao fim do exame cadavérico, familiares fizeram a liberação do corpo para funeral e sepultamento.

O jovem Wendel Carvalho de Sousa, 27, morreu no Hospital Geral de Roraima (HGR) na terça-feira, 5, onde deu entrada depois de sofrer um acidente de trânsito. Ele não resistiu aos ferimentos. O local e as circunstâncias do acidente não foram revelados pela polícia. A reportagem não conseguiu entrar em contato com os familiares da vítima.

A adolescente Evelin Dias Moya, 13 anos, retornava da cidade de Manaus com seus familiares, quando o carro em que estava capotou na ponte do rio Itã, BR-174, município de Caracaraí. Apenas a menina morreu no acidente. O corpo dela foi liberado na manhã dessa quarta-feira para funeral e sepultamento.

O militar do Exército Jenuam Alexandre da Silva, de 20 anos, sofreu um acidente grave na Avenida Ataíde Teive e foi levado às pressas ao HGR, mas, devido ao trauma, acabou morrendo. Segundo as informações, a vítima pilotava uma motocicleta e o acidente ocorreu durante a madrugada de ontem. Após a necropsia, o corpo foi liberado pelo pai da vítima.

O idoso Antônio Carlos da Costa, de 62 anos, morreu vítima de um acidente na vicinal 20, município de São Luiz, região Sul do Estado. Ele estava em uma motocicleta quando o fato ocorreu. Por conta das fraturas, o homem morreu antes de ser transportado para Boa Vista.

Na Serra do Tepequém, município de Amajari, o venezuelano Addiel Antonio Brasson, de 26 anos, morreu depois que o carro que dirigia capotar. O veículo ficou com as rodas para cima. A vítima foi lançada do interior do automóvel, o que agravou consideravelmente sua condição. O local do acidente é uma estrada que dá acesso a uma das cachoeiras e a vítima estava sozinha.

A perícia foi acionada para ir ao local com o rabecão do Instituto de Medicina Legal (IML) para, ao fim dos procedimentos, o corpo ser conduzido para Boa Vista.

As causas dos acidentes devem ser investigadas pela Polícia Civil, por meio da Delegacia de Acidentes de Trânsito (DAT). As ocorrências que se deram em outros municípios serão encaminhadas para o Departamento de Polícia Judiciária do Interior (DPJI).

***
Gostou?
1
1
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!