PAGAMENTO ATRASADO
Governo atrasa o salário dos servidores da administração indireta
Sefaz anunciou que o pagamento deverá ser feito até dia 15 de agosto
Por Folha Web
Em 11/08/2017 às 18:00
(Foto: Divulgação)

Sevidores da administração indireta do estado denunciaram a Folha o atraso no pagamento referente ao mês julho deste ano, que deveria ter sido repassado no último dia 10.

“Todo cidadão precisa do seu salário para sobreviver e sustentar sua família, já que o dinheiro é utilizado para comprar alimentos, remédios e pagar contas. O poder público deve ter mais consciência e ajudar a população”, explicou uma servidora que preferiu não se identificar.

Servidores da Administração Indireta são referentes ao Ipem (Instituto de Pesos e Medidas), Iteraima (Instituto de Terras e Colonização de Roraima), Aderr (Agência de Defesa Agropecuária de Roraima), Cerr (Companhia Energética de Roraima), Codesaima (Companhia de Desenvolvimento de Roraima), Caer (Companhia de Água e Esgotos de Roraima), Femarh (Fundação do Meio Ambiente e Recursos Hídricos), Iacti (Instituto de Amparo à Ciência, Tecnologia e Inovação), Uerr (Universidade Estadual de Roraima) e Univirr (Universidade Virtual de Roraima).

OUTRO LADO – Em nota, o Governo do Estado informou, por meio da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), que os depósitos serão realizado até o dia 15 de agosto.

Wesley Rodrigues disse: Em 10/07/2018 às 23:14:00

"O salário ja se paga atrasado, porque na era "Anchieta", todo início de mês o salário estava na conta. não estou defendendo governo A ou B, mas trabalhei no executivo há época e meu salário era pago de acordo com o calendário, que se dava por publico no início de cada ano. Agora além de atrasar todos os meses para o dia 10, ainda se atrasa por mais tempo. Que vergonha de ser governado por um administração inescrupulosa, me sinto ainda mais envergonhado em ter conterrâneos capazes de eleger esta governadora. Mas como já é sabido, o povo é burro!."

Marco Aurelio Pinheiro Sousa disse: Em 11/08/2017 às 20:15:36

"Qual a desculpa agora Governo do Povo? kkkkkkkkkkkkkkkkkkk"