Hemoraima convoca doadores de sangue para repor estoque quase zerado - Folha de Boa Vista
SAÚDE
Hemoraima convoca doadores de sangue para repor estoque quase zerado
Pacientes O- só podem receber a mesma tipagem sanguínea
Por Folha Web
Em 14/09/2021 às 12:30
A doação de sangue continua sendo prioridade mesmo neste momento de pandemia (Foto: Arquivo FolhaBV)


O Hemoraima está com seus estoques de banco de sangue O - (negativo), praticamente zerados. Para contornar a situação, o órgão convida os doadores a comparecer às unidades que estiverem aptos a doar, para realizarem esse gesto de amor ao próximo que pode salvar até 4 vidas.

"Se você tem mais de 18 anos, pesa mais de 50kg e possui boas condições de saúde, procure o Hemoraima para fazer a sua doação. Doar sangue é doar novas oportunidades de viver aqueles que necessitam" informou a unidade por meio de sua rede social.

A gerente do Núcleo de Captação de Sangue do Hemoraima, Juliane Uchoa, convoca os doadores de sangue para comparecer ao Hemoraima. “Nós estamos com uma lista grande de pacientes O- e que só podem receber a mesma tipagem sanguínea, então nosso apelo vai para esses doadores. Se você está saudável, venha doar sangue, sua doação é fundamental para salvar vidas, ” enfatizou a gerente.

O Hemoraima abastece todas as unidades hospitalares do Estado e devido à alta demanda precisa urgentemente renovar o estoque. Para quem deseja doar, o Hemoraima está de portas abertas das 8h às 12H e das 14 às 18h, o doador de sangue deve ter entre 16 anos e 69 anos e 11 meses (59 anos e 11 meses para a primeira doação). Os menores de 18 anos precisam da presença do responsável legal (pai ou mãe), bem como levar cópia da identidade.

É necessário ter mais de 50 quilos, estar alimentado e em boas condições de saúde, além de apresentar um documento original com foto.

Tive Covid-19 posso doar?

A doação de sangue continua sendo prioridade mesmo neste momento de pandemia. Caso você tenha sido infectado pela covid-19, saiba que é possível doar sangue.

 A recomendação é respeitar um período mínimo de 30 dias após a recuperação completa da doença. Ou seja, quando não apresentar nenhum sintoma ou sequela que possa impedir a doação. Para quem teve contato com alguém com diagnóstico comprovado de contaminação, nos últimos 30 dias, a recomendação é que passe 14 dias sem doar, contados a partir do último dia de contato.


VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
0
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!