PUBLICIDADE
CAIMBÉ
Homem atropela mulher e foge temendo ser linchado
Por João Barros
Em 08/02/2019 às 00:15

Um caso de atropelamento terminou com uma mulher ferida e um homem preso por policiais da Companhia Independente de Policiamento Ambiental (Cipa). O fato ocorreu na noite de quarta-feira, 6, na Rua Leôncio Barbosa, bairro Caimbé.

Policiais se depararam com uma aglomeração de pessoas ao redor de uma mulher, de 45 anos, de origem venezuelana. Elas apontavam para um carro Volkswagen Voyage branco que fugia em alta velocidade.

Os militares seguiram o veículo e abordaram o motorista em frente ao prédio da Caixa Econômica, na Avenida Ataíde Teive, bairro Asa Branca. Ele confessou que havia atropelado a mulher, mas estava fugindo por medo de ser linchado por venezuelanos que estavam no local do acidente.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) prestou os primeiros socorros à vítima antes de removê-la para o Pronto-Socorro Francisco Elesbão, no Hospital Geral de Roraima (HGR). A mulher reclamava de fortes dores na coluna e nas pernas. Ela não apresentava sangramento ou fraturas visíveis.

A equipe da Cipa informou que o condutor não aparentava estar bêbado e apresentou sua carteira de habilitação, explicando que trabalha como taxista e, naquela noite, quando fez a conversão na Rua Leôncio Barbosa, atropelou a vítima que estava numa bicicleta e vinha na contramão. Na delegacia, durante o depoimento, ele disse que o local é um ponto de prostituição e se sentiu ameaçado com a chegada de muitas pessoas, mas antes disso estava conversando com a vítima.

Como não havia indícios de prática criminosa por parte do taxista, ele acabou sendo liberado ao fim das oitivas. Todos os seus pertences foram devolvidos. A vítima recebeu alta médica depois de ser avaliada. Ela não teve ferimentos ou fraturas graves. (J.B)

***
Gostou?
0
0
PUBLICIDADE
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!