PUBLICIDADE
TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO
Iracema implantará robótica na grade curricular do município
Por Folha Web
Em 02/02/2019 às 00:15

FABRÍCIO ARAÚJO

Colaborador da Folha

Um projeto de robótica educacional deve ser implantado em duas escolas de Iracema neste ano. Ele foi apresentado aos professores do município no início desta semana, mas já estava sendo pensado há dois anos pelo funcionário público Antonio Aumarir, que atuará como voluntário para o ensino da disciplina que deverá ser integrado a outras.

PUBLICIDADE

Cerca de 600 alunos terão acesso ao curso que deve contar com um material pensado de acordo com a realidade de quem vive em Iracema. As crianças trabalharão em grupos e terão acesso a um tablet e peças adequadas a cada ano. No 1o ano, será realizada a montagem de animais robóticos. A partir do 2o ano, manusearão motores e, quando chegarem ao 4o ano, será estudada codificação.

“Como ainda vamos entrar na parte licitatória, as empresas que participaram precisam se adequar ao perfil que estamos precisando. Nós definimos uma padronização, os modelos que queremos trabalhar e vamos buscar fornecedores que trabalhem com isto”, declarou Aumarir.

O servidor público disse que já estava estudando a possibilidade há dois anos, pois tem filhos pequenos e acredita que o conhecimento sobre novas tecnologias pode ser uma vantagem no mercado de trabalho do futuro.

“Tem um estudo do Fórum Econômico Mundial que afirma que 65% das profissões destas crianças, que estão no ensino fundamental, ainda vão ser criadas. Ou seja, quando elas começarem a trabalhar, será em profissões que hoje ainda não existem. Vai acontecer muita inovação e tudo passa pela robótica. Queremos trazer as crianças para essa realidade”, declarou.

Outra motivação para que Amaurir quisesse realizar o projeto é que desde a infância sempre foi apaixonado por tecnologia, mas em 1999 se mudou para Iracema e até hoje sente que no interior ainda é muito difícil ter acesso às novas tecnologias.

“Eu sempre gostei de tecnologia. Tive meu primeiro videogame com 10 anos em 1980, o primeiro computador, em 1984. Sempre gostei da questão tecnológica, então, por que não trazer isto para os alunos?”, questionou.

Ainda de acordo com Antonio Aumarir, Iracema será o primeiro município que não é uma capital da Região Norte a oferecer robótica educacional na grade curricular das escolas. E ele afirmou também que tanto o material usado, quanto a metodologia de ensino têm padrão de qualidade internacional. (F.A)

***
Gostou?
0
0
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!