PRÊMIO VIVA 2018
Juíza de Roraima está entre as finalistas de premiação
Promovido pela Revista Marie Claire e Instituto Avon, a iniciativa visa enaltecer as ações que são realizadas para combater a violência contra a mulher no país
Por Folha Web
Em 08/11/2018 às 13:01
A juíza Maria Aparecida Cury é finalista da categoria Justiça do prêmio Viva (Foto: Divulgação)

A juíza Maria Aparecida Cury, Coordenadora Estadual das ações de combate a violência doméstica contra a mulher do Tribunal de Justiça de Roraima (TJRR), está entre as finalistas do Prêmio Viva 2018. A magistrada concorre na categoria Justiça.

O prêmio Viva é uma iniciativa da Revista Marie Claire e Instituto Avon, tendo como finalidade destacar os trabalhos que são desenvolvidos no combate a violência contra as mulheres no país.

O evento da premiação será realizado no dia 22 de novembro, no Palácio Tangará, em São Paulo. Serão 21 finalistas e sete premiados nas categorias Saúde, Sociedade Civil, Revendedoras, Segurança, Justiça, Empreendedorismo e Eles por Elas.

Os ganhadores serão escolhidos por meio de um júri de especialistas e de votação popular no site da revista, de 10 a 16 de novembro.

*INFORMAÇÕES: Ascom TJRR.

***
Gostou?
5
3
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!