PUBLICIDADE
15 DE MAIO
Manifestantes fazem passeata contra bloqueio da educação
Ato ocorre em todo país
Por Folha Web
Em 15/05/2019 às 16:12
Estudantes repudiam o bloqueio de verbas de universidades públicas e institutos federais (Foto: Diane Sampaio/Folhabv)

A chuva não impediu a manifestação de estudantes e professores que iniciou no campus Paricarana, na Universidade Federal de Roraima e seguiu até o Centro Cívico com cartazes que repudiam o bloqueio de verbas de universidades públicas e institutos federais.

“O contingenciamento não vai prejudicar apenas os estudantes e professores, nem aqueles que pretendem fazer um curso do pós-gradução de mestrado ou doutorado e, sim, toda a sociedade que depende desse conhecimento que a gente produz aqui dentro. Essa greve deveria ter, não só aderência dos estudantes, mas de toda a população”, disse Catherine Mota, aluna do de Direito da UFRR.

Foto: Diane Sampaio/Folhabv

PUBLICIDADE

Pelo menos 75 das 102 universidades e institutos federais do País convocaram protestos para esta quarta-feira, em resposta ao bloqueio de 30% dos orçamentos determinado pelo Ministério da Educação (MEC).

R.

Foto: Diane Sampaio

***
Gostou?
32
26
Luiz Junior disse: Em 15/05/2019 às 22:10:25

"Quando vejo um cartaz como o "mexeu com todos", percebo a alienação dos estudantes universitários. Uma pena"

cabuloso disse: Em 15/05/2019 às 21:33:00

"Massa de manobra "

Damiao disse: Em 15/05/2019 às 21:19:06

"A chuva só impede de ir pra aula. Mais pra fazer zuada não atrapalhar."

LUIZ CLAUDIO CORREA DUARTE disse: Em 15/05/2019 às 18:37:17

"Várias áreas estão tendo gastos reduzidos. Normal para um país que foi severamente saqueado na última década. Não é exclusividade da educação. Triste mesmo é ver que estudantes estão sendo usados por funcionários públicos para seus interesses obscuros. Pelo que eu saiba isso é ilegal, ou não é?"

Froid disse: Em 15/05/2019 às 18:27:00

"Essas pessoas estão ai fazendo o que? Será que não entendem que o corte é aplicado em despesas discricionárias? Percebe-se que são todos socialistas e que votaram no PT de novo. Esse corte é temporário será que não entendem? Nada é pra sempre.Eles não devem saber nem pelo que estão ai, deve ser o mal da internet onde eles viram essas notícias e acharam melhor deixar de estudar e ir pra frente da universidade.Que raiva. "