PUBLICIDADE
BR-174 SUL
Manifestantes liberam rodovia após protesto
Realizado em Rorainópolis, o ato se deu em razão da indefinição na data de inicio das aulas no ano letivo da rede estadual de ensino
Por Folha Web
Em 26/04/2019 às 14:47
Manifestante fizeram o bloqueio da rodovia para protestar contra a demora no início das aulas nas unidades estaduais (Foto: Divulgação)

Conforme havíamos adiantado mais cedo, moradores e estudantes de várias localidades do município de Rorainópolis, Sul do Estado, fecharam a BR-174 na manhã desta sexta-feira, 26, em razão da indefinição na data de inicio das aulas no ano letivo da rede estadual de ensino.

Por telefone, o Núcleo de Comunicação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que o ato foi desmobilizado no início desta tarde e a rodovia já foi liberada.

Por meio de nota, a Secretaria de Educação e Desporto (Seed) esclarece que no Interior do Estado existem 64 escolas não indígenas, destas, 21 iniciaram o ano letivo no último dia 9 de abril. Para as demais unidades de ensino e as escolas localizadas em comunidades indígenas, a previsão para o início do ano letivo 2019 é 15 de maio.

PUBLICIDADE

"As unidades indígenas aguardam a conclusão do processo seletivo para contração de professores (o qual está em andamento na fase de avaliação de títulos). O resultado final será publicado dia 13 de maio seguindo cronograma do edital. Além disso, todas estas escolas aguardam a finalização do processo de transporte escolar, que está tramitando na Seed e no momento encontra-se em fase de análise pelos órgãos de controle", completou.

***
Gostou?
1
0
Mirian disse: Em 27/04/2019 às 15:14:52

"A maioria das escolas do interior ainda não iniciaram as aulas, não sei porque os pais não se reunem e se manifestam em frente dos órgãos responsáveis. Quais essas 21 escolas aí?"

Ravena disse: Em 26/04/2019 às 16:41:16

"Só iniciaram as escolas das sedes ou seja: Cantá sede, Alto alegre sede, Bonfim sede, Pacaraima sede, Mucajaí se...as demais que são muitas ainda não iniciaram, e são muitas, desconhecemos essas 21 que iniciaram."