PUBLICIDADE
POR 24 HORAS
Marido agride esposa, queima suas roupas e documentos dos filhos
Por João Barros
Em 12/06/2019 às 00:15

As mulheres continuam sendo espancadas pelos companheiros. Crimes desta natureza figuram entre as principais ocorrências registradas nas delegacias de Boa Vista. Passava das 18h dessa segunda-feira, dia 10, quando policiais militares foram acionados para atender um caso de Maria da Penha no bairro Sílvio Leite.

Assim que chegaram, os policiais contaram que a vítima saiu da casa de sua mãe e se apresentou relatando que fazia 24h que estava sendo agredida pelo companheiro. Ele também teria queimado suas roupas e os documentos dos filhos, além de ter ameaçado matá-la.

A equipe pediu apoio de outros policiais que chegaram em outra viatura e foram até a residência da vítima, onde o agressor estava. Quando tentou entrar no quarto, a vítima não conseguiu abrir a porta e descobriu que o marido estava trancado no local. Muito nervosa, pediu seus pertences, mas não foi atendida. Os militares também pediram que o homem abrisse a porta, mas ele negou.

PUBLICIDADE

Depois de muita insistência e sem nenhuma resposta, os policiais usaram de força para arrombar a porta. Assim que abriram, o suspeito tentou agredi-los, sendo necessário uso de bastão para conter seu ato e técnicas de imobilização. Vários familiares da vítima estavam revoltados e queriam fazer justiça com as próprias mãos. 

O elemento foi colocado no compartimento fechado da viatura para ser levado para a Central de Flagrantes do 5º DP, assim como a vítima também foi levada para ser ouvida pela autoridade policial. A delegada de plantão realizou as oitivas e. diante da contundência das provas e da representação da vítima, lavrou o Auto de Prisão em Flagrante (APF) contra o sujeito que permaneceu detido numa das celas do DP até a manhã de ontem, quando foi apresentado à Justiça em audiência de custódia. (J.B)

***
Gostou?
0
0
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!