PUBLICIDADE
NA AVENIDA BRASIL
Mulher é presa suspeita de participar de assalto a ônibus
Por João Barros
Em 12/04/2019 às 00:32
Passageiros do ônibus reconheceram suspeita; crime ocorreu em movimentada avenida da cidade (Foto: Divulgação )

Às 23h50 de quarta-feira, 10, uma mulher e dois homens entraram em um ônibus na Avenida Brasil, bairro Cinturão Verde, e anunciaram o assalto. Os dois indivíduos estavam armados com facas e faziam ameaças aos passageiros, enquanto tomavam celulares e dinheiro. Da empresa de transporte, foi roubado todo o valor apurado das 14h50 até a hora do roubo.

Os bandidos mandaram o motorista parar nas proximidades do Posto Karacas, onde desceram e fugiram. O caso foi comunicado à Polícia Militar que fez diligências e conseguiu prender a mulher suspeita do crime. Ela foi conduzida à delegacia, reconhecida por vítimas do assalto e, depois de ser ouvida, autuada em flagrante por roubo. 

PUBLICIDADE

NO CARRO – Uma vendedora de 32 anos foi abordada por um indivíduo que ela viu algumas vezes em um restaurante próximo ao seu local de trabalho. Ele bateu nos vidros do carro e pediu carona, mas ao entrar, sem permissão, automaticamente sacou uma faca e disse que se tratava de um assalto.

O crime ocorreu por volta das 21h de quarta-feira, 11. O carro Volkswagen Saveiro foi abandonado na Rua Pau Rainha, bairro Paraviana, com as chaves na ignição. O suspeito não foi localizado. Moradores contaram que o veículo foi deixado no local, mas não viram qualquer pessoa sair dele.

Diligências foram feitas pelas imediações pela Polícia Militar e por uma delegada de polícia que mora na mesma rua onde o carro foi deixado. Apesar dos esforços, o bandido não foi encontrado. A vítima foi localizada e quando chegou ao endereço confirmou ser seu veículo. O carro foi levado para a Central de Flagrantes do 5° DP para ser restituído à proprietária.

EM CASA – Na madrugada de quinta-feira, 11, um pintor de 35 anos foi surpreendido por uma dupla de motoqueiros no momento em que chegava em casa, na Rua José Queiroz, bairro Buritis. Os bandidos armados tomaram a carteira porta-cédulas contendo todos os documentos da vítima e mais R$ 700, além de seu celular.

Os bandidos fugiram e a vítima procurou a Central de Flagrantes do 5o DP para registrar um boletim de ocorrência. O pintor não soube informar o modelo da arma nem da motocicleta. (J.B) 

***
Gostou?
1
0
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!