PUBLICIDADE
ANEL VIÁRIO
PM faz buscas após denúncias de execução e desova 
Por João Barros
Em 15/04/2019 às 00:10
Buscas foram intensas, mas nenhum corpo foi encontrado (Foto : Aldênio Soares )

Por duas vezes, policiais foram chamados na noite de sábado, 13, para verificar denúncias que não se confirmaram. Uma delas para atender ocorrência de execução e outra em que um carro branco, cujo modelo não foi informado, estaria com o porta-malas aberto às margens da BR-174, no Contorno Oeste do Anel Viário, próximo ao Conjunto Pérola. 

As equipes foram acionadas e três viaturas fizeram diligências naquela região do Anel Viário, sendo uma do Choque, que compõe o Batalhão de Operações Especiais (Bope), e duas da Companhia Independente de Policiamento de Trânsito Urbano e Rural (Ciptur). 

Diante das informações de que a execução ainda estaria acontecendo, os policiais foram às pressas ao local informado. Lanternas do tipo canhão foram usadas, uma vez que a área é totalmente escura. Os militares procuraram o possível corpo deixado às margens da rodovia. As viaturas se dividiram no intuito de localizar o suposto cadáver, mas depois de 45 minutos de procura, nada foi encontrado.

Vinte minutos depois, o Bope foi chamado novamente para uma ocorrência no Anel Viário. Com base nas informações passadas pelo denunciante de que um carro branco estaria com o porta-malas aberto e os ocupantes do veículo estavam afastados, os policiais chegaram ao local informado, mas não encontraram nenhum veículo com as características informadas. 

A PM acredita que se houve uma desova, o corpo seria procurado durante o domingo, 14, mas até o começo da noite de ontem, não obtivemos qualquer informação de que algum cadáver tenha sido encontrado naquela área. (J.B)

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!