PUBLICIDADE
NA ENE GARCÊS
Bandidos são presos ao tentar matar universitária em parada de ônibus
Dupla de assaltantes foi presa logo após furtar o celular da jovem que teve luxação nas costelas por conta do ataque que sofreu
Por Vanessa Fernandes
Em 12/09/2019 às 00:05
Um dos elementos foi até a porta da parada de ônibus e ameaçou a vítima com uma faca (Foto: Diane Sampaio/FolhaBV)

Uma universitária de 19 anos quase foi esfaqueada durante um assalto na Avenida Ene Garcês, próximo à Praça das Águas, um dos pontos turísticos mais famosos de Boa Vista. Ela foi abordada por dois indivíduos, um brasileiro e um venezuelano, ambos de 18 anos.

O crime aconteceu por volta das 22h, enquanto a jovem aguardava em um ponto de ônibus climatizado. A dupla chegou no local utilizando uma bicicleta. O rapaz que estava na garupa foi em direção à porta de vidro da parada e, ameaçando com uma faca, perguntou pelo celular da vítima.

PUBLICIDADE

Sem apresentar resistência, a estudante entregou o aparelho. Não satisfeito, o elemento tentou esfaqueá-la, desferindo vários golpes que atingiram a bolsa da jovem. Devido à forma bruta dos movimentos do indivíduo, a vítima caiu no chão, porém, conseguiu se levantar e pedir socorro logo em seguida. Mesmo não sendo perfurada, a ação lhe deixou com hematomas nas costelas do lado esquerdo.

De acordo com a Polícia Militar, a captura dos elementos aconteceu pouco tempo após o assalto. Uma viatura do Canil realizava patrulhamento pela avenida Getúlio Vargas quando avistou a dupla transitando rápido pela contramão da via e cruzando a frente de vários veículos.

A maneira suspeita com agiam provocou a curiosidade dos agentes, que de imediato deram voz de parada aos elementos. Surpreendidos, os dois caíram da bicicleta e a abandonaram.

A pé, eles empreenderam fuga e pularam diversos muros até serem detidos pela guarnição. A perseguição terminou com a revista pessoal dos dois elementos, que estavam de posse de uma faca e de um celular.

Enquanto os suspeitos permaneciam parados na abordagem, o aparelho tocou e uma voz feminina disse aos policiais que era a proprietária do objeto e que teria sido roubada a poucos minutos.

A guarnição se deslocou ao endereço informado pela jovem, que mesmo bastante abalada com o ocorrido conseguiu reconhecer os dois suspeitos como os autores do crime.

Com a confirmação da vítima, a dupla foi encaminhada à Central de Flagrantes no 5º Distrito Policial e permaneceu detida em uma das celas, aguardando a audiência de custódia (VF) 

***
Gostou?
20
0
Davyd disse: Em 12/09/2019 às 10:58:36

"Não foram eles que me assaltaram aqui na praça de alimentação proximo ao mini-terminal, pois os dois eram venezuelanos. Esses um e venezuelano e outro brasileiro. a Ene Garcez ficou muito escura e deserta com a derrubada da praça de alimentação para a construção de outra, há que ser feito algo pois há um numero muito grande de ladrões que atacam as pessoas que passam pelo local principalmente estudantes que saem da faculdade as 22 horas. "