Casal é encontrado decapitado em córrego próximo a abrigo - Folha de Boa Vista
VIOLÊNCIA
Casal é encontrado decapitado em córrego próximo a abrigo
Além dos corpos, uma motocicleta com restrição de roubo foi encontrada no local
Por Marília Mesquita
Em 11/05/2022 às 09:47
O caso será investigado pela Delegacia Geral de Homicídios e o rabecão do Instituto Médico Legal fez a remoção dos corpos (Foto: Divulgação)

Dois corpos, sendo de um homem e uma mulher, foram encontrados decapitados em um córrego próximo ao Abrigo Rondon 5, no bairro 13 de Setembro, na noite dessa terça-feira, 10. Uma motocicleta com restrição de roubo e furto também foi encontrada ao lado dos corpos.

No bolso da calça de um dos cadáveres foi encontrados documentos em nome de Jorge Luís Alfaro Maita, de 37 anos, porém os dados serão confirmados após exames cadavéricos.

De acordo com informações do Segundo Batalhão da Polícia Militar (2°BPM), a equipe estava em patrulhamento quando foram abordados por um major do Exército Brasileiro, que estava na função de Oficial do dia e responsável pela fiscalização das áreas de abrigo de Boa Vista.

O major disse aos policiais que uma equipe interna do abrigo lhe informou que teve uma tentativa de homicídio, onde um grupo de homens estava levando uma mulher para trás do abrigo. Logo em seguida, foi ouvido um pedido de socorro que de imediato foi impossibilitado como se alguém tampasse a boca da outra pessoa. No caso, supostamente a mulher que estava sendo levada. Em seguida, foi ouvido também uma pancada aparentando ser na cabeça de alguém.

Ao realizar buscas pelo local, foram encontrados em área de mata em um córrego os corpos enrolados em lençóis. Além da motocicleta modelo Honda com restrição de roubo e furto.

Por ser uma área de difícil acesso, o Corpo de Bombeiros foi acionado para resgatar os corpos.

O caso será investigado pela Delegacia Geral de Homicídios (DGH) e o rabecão do Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção dos corpos.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
11
6
Cadastrar-me Enviar Comentário
O Verdadeiro disse: Em 11/05/2022 às 10:48:34

"Esse exército que cuida dos abrigos não serve pra nada, ver tudo, sabe de tudo e não faz nada, é brincadeira isso!"