Ex-secretário vira réu por suspeita de abusar de criança de três anos - Folha de Boa Vista
RÉU
Ex-secretário vira réu por suspeita de abusar de criança de três anos
O caso teria ocorrido entre os dias 12 e 13 de setembro
Por Folha Web
Em 23/09/2021 às 18:38
Airton Cascavel foi secretário de Saúde (Foto: Divulgação)

O ex-secretário de Saúde, Airton Cascavel, está sendo acusado de ter estuprado uma criança de três anos. O caso foi denunciado na semana passada à Polícia Civil pela mãe da criança, após uma consulta no Hospital da Criança Santo Antônio.

Segundo informações do Boletim de Ocorrência, registrado no dia 15 de setembro, a mãe da criança informou aos policiais que o caso teria ocorrido entre os dias 12 e 13 de setembro, quando a menina teria visitado a casa de Cascavel, e que após ter retornado para casa a menina teria se queixado de dores na região íntima. A criança teria então dito para a mãe, que Cascavel teria colocado a mão no local. Já no Hospital da Criança, a médica de plantão teria encaminhado a mãe e a filha para o Conselho Tutelar e para o Núcleo de Proteção à Criança e Adolescente. A criança fez exame de corpo de delito no mesmo dia.

Nesta quarta-feira, 22, a FolhaBV teve acesso ao resultado do exame que informa que não foi possível negar ou afirmar se houve ou não, ato libidinoso.

Já nesta quinta-feira, 23, o juiz substituto da Vara de Crimes Contra Vulneráveis, Nildo Inácio, aceitou denúncia do Ministério Público, tornando Cascavel réu no caso.

Polícia 

A Polícia Civil de Roraima informa que todas as informações dos procedimentos policiais são sigilosas, mas adiantou que a instituição, através do Núcleo de Proteção à Criança e Adolescente, tem adotado todas as providências dentro da Lei.

Defesa

A FolhaBV tentou contato com o advogado de defesa de Airton Cascavel, mas não obteve retorno.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
28
4
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!