PUBLICIDADE
NO BELA VISTA 
Jovem é quase degolado em tribunal do crime
Suspeitos acreditavam que a vítima fazia parte de facção rival. Suposto mandante foi preso
Por Vanessa Fernandes
Em 10/09/2019 às 00:10
Vítima precisou receber cinco pontos no corte feito por lâmina de faca (Foto: Aldenio Soares)

Um jovem de 24 anos quase foi degolado em uma tentativa de homicídio praticado por mais de dez homens na tarde deste domingo, 8, em um lava jato no bairro Bela Vista, zona oeste de Capital. De acordo com a Polícia Militar, os indivíduos acreditavam que a vítima fazia parte de uma facção rival.

O rapaz relata que por volta das 16h estava sentado no sofá do estabelecimento aguardando para ser atendido quando foi abordado pelo suspeito que disse ser o mandante, e passou o dia lhe observando.

PUBLICIDADE

“Esse elemento chegou e disse pros amigos dele que tinha uma rixa comigo. Do nada eles [amigos] chegaram lá com facas e pedaços de pau. Daí disseram pra ele “Pode dá-lhe!”. Ele pegou e me deu um golpe de faca no pescoço enquanto os outros me seguravam”, disse o jovem.

Como estava sozinho, o rapaz ficou cercado pelos indivíduos. “Eu pensava que era brincadeira, porque eram só moleques novos. Quando vi o sangue, eu saí desesperado e tentei correr pro supermercado, mas eles já tinham me cercado. Aí eu corri pra lan house e foi lá que consegui pedir socorro”, explicou.

Uma equipe da PM foi acionada por populares e encontrou a vítima com intenso sangramento. Após os primeiros socorros, o rapaz levou a guarnição até o local do crime, onde uma faca de aproximadamente 40 centímetros foi encontrada.

Em diligências pela região, o suspeito de desferir o golpe foi localizado ainda em posse de uma arma branca. Ao visualizar a viatura, ele tentou apressar os passos, porém, foi capturado.

Na delegacia, o acusado alegou inocência e disse que seu último delito foi há dez anos, quando foi preso por furto e roubo, cumprindo pena na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo (Pamc).

Entretanto, ele foi desmentido por testemunhas que afirmaram a veracidade dos fatos, confirmando as suas características como sendo um dos participantes do crime. 

Dada a voz de prisão, o elemento foi encaminhado à Central de Flagrantes no 5º Distrito Policial, onde foi ouvido pela autoridade competente e permaneceu detido até ser apresentado na audiência de custódia na manhã desta segunda-feira (9). (VF)

***
Gostou?
6
0
Josy disse: Em 10/09/2019 às 07:15:36

"Que absurdo! Está banalizada a vida humana! Não sei o que a secretaria de segurança ainda esta esperando para dar-lhes uma resposta altura aos mentes sujas que estão tomando conta do estado!"

Davi disse: Em 10/09/2019 às 05:53:42

"Essa audiência de custódia é uma aberração a justiça de Deus! Politicos e juristas estão afrontando a justiça de Deus!"