PUBLICIDADE
CRIMINALIDADE SEM LIMITES
Mulher sofre sequestro relâmpago no Cidade Satélite
De acordo com a vítima, o criminoso teria feito ameaças de morte ao filho e a neta. O fato ocorreu na manhã desta quinta-feira, dia 13
Por Folha Web
Em 14/06/2019 às 00:20
O veículo da vítima foi levado para perícia no 3º DP (Foto: Aldenio Soares)

Uma casa no bairro Cidade Satélite foi mais um local que virou alvo de assalto. Um criminoso atacou a dona do imóvel na manhã dessa quinta-feira, dia 13, quando ela entrava com seu veículo na garagem. Depois colocaram a vítima no porta-malas do seu próprio carro. 

“O rapaz me abordou, me colocou no porta-malas e ficou rodando comigo, dizendo que iria matar meu filho, iria matar minha neta e que eram de facção. Eles me deixaram no Cidade Satélite mesmo. Me disseram que não era para eu chamar a Polícia”, explicou.

PUBLICIDADE

Um segundo envolvido teria entrado no carro cerca de 300 metros após o elemento ter saído da frente da casa da vítima e eles ainda teriam demorado mais 10 minutos para andar com o carro, pois não sabiam dirigir com câmbio automático.

Depois de uma hora rodando sem parar, os elementos abriram o porta-malas e pediram que a mulher saísse somente após dois minutos e em seguida sumiram do local, deixando o carro e a vítima. Depois de se libertar, a sequestrada foi até um posto de combustível no Cidade Satélite, de onde ligou para o marido e pediu auxílio. No posto havia um viatura da PM e a mulher relatou os fatos aos policiais.

Os policiais orientaram a vítima a registrar o Boletim de Ocorrência (B.O). Ela foi até o 3º DP para comunicar a Polícia Civil sobre os fatos. Na Delegacia, a vítima informou que o caso se trata de um sequestro relâmpago e que ficou presa dentro do porta-malas por cerca de uma hora.

A motivação do crime seria o fato do filho da vítima ter uma dívida de R$ 20 mil com uma facção por ser usuário de cocaína. 

Roubaram a bolsa da vítima contendo seus documentos pessoais e cartões bancários, R$ 8 mil em espécie, chaves, telefone celular Apple/Iphone 7 cor rosa e óculos de grau. Ela comunicou que um dos autores do crime tinha aproximadamente 20 anos, de estatura mediana, magro e branco. (J.B) 

***
Gostou?
0
1
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!