Organização criminosa paulista é alvo de operação em Roraima - Folha de Boa Vista
OPERAÇÃO LIGA DE DELOS
Organização criminosa paulista é alvo de operação em Roraima
Mais de 80 policiais da FTSP cumprem 40 mandados de prisão preventiva e três mandados de busca e apreensão com o intuito de desarticular a célula da facção
Por Folha Web
Em 23/06/2022 às 08:00
Um dos endereços alvos da operação (Foto: Divulgação)

Uma organização criminosa paulista com atuação dentro e fora dos presídios de Roraima é alvo da Operação Liga de Delos, da Força-Tarefa de Segurança Pública de Roraima (FTSP), na manhã desta quinta-feira (23).

Mais de 80 policiais da FTSP, integrada pelas Polícias Federal, Civil, Militar e Penal, cumprem 40 mandados de prisão preventiva e três mandados de busca e apreensão, expedidos pela Vara de Entorpecentes e Organização Criminosa da Justiça de Roraima, com o intuito de desarticular a célula da facção.

Policiais revistam objetos em um dos endereços alvos da operação (Foto: Divulgação)

Dos 40 suspeitos contra os quais foram expedidos mandados de prisão preventiva, 23 cumprem pena no sistema prisional do Estado, enquanto 17 estão em liberdade.

Todos os investigados, acusados de participação em organização criminosa armada, possuem antecedentes criminais por crimes, como latrocínio, homicídio, sequestro, tráfico e associação para o tráfico de drogas, roubo, furto, lesão corporal, violência doméstica e receptação.

O nome da operação alude a uma organização militar formada por Atenas, que visava proteger as cidades gregas das tropas do Império Persa, combatendo a presença dos Persas no Mar Mediterrâneo. Referencia ainda a união dos esforços das forças de segurança pública de Roraima que culminaram na instalação da FTSP, a qual completará três anos de criação em julho.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
13
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!