PUBLICIDADE
CIDADE SATÉLITE
PM fecha ‘boca de fumo’ em condomínio e quatro são detidos
Denúncias diziam que o apartamento localizado no bairro Cidade Satélite exalava forte odor de drogas
Por Folha Web
Em 03/08/2019 às 00:15
Foram localizadas drogas, munições e materiais utilizados para embalar drogas dentro do apartamento (Foto: Aldenio Soares)

Quatro suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas, entre eles dois adolescentes, foram detidos em ação realizada pelo Grupo de Intervenção Rápida e Ostensiva (GIRO) juntamente com o Canil da Polícia Militar na tarde desta quinta-feira, 1, no Condomínio Angelim, bairro Cidade Satélite, zona oeste de Boa Vista.

Segundo a PM, denúncias anônimas relataram que no referido apartamento havia intenso movimento de pessoas para a compra e uso de drogas, além de um forte odor exalado pelas substâncias que eram utilizadas pelos moradores e frequentadores da suposta ‘boca de fumo’.

PUBLICIDADE

Diante destes fatos, a equipe seguiu ao endereço para comprovar a veracidade. No local, foram recebidos por uma diarista que autorizou a entrada e verificação da sua residência, que de fato possuía cheiro intenso de substâncias ilícitas. Na companhia dela, estavam uma jovem de 19 e dois menores, ambos de 15 anos.

Material entorpecente foi entregue na Central de Flagrantes do 5º DP (Foto: Aldenio Soares)

Ainda conforme a PM, foi realizada uma busca pelos ambientes do apartamento e no quarto foram localizados três invólucros plásticos aparentando ser skunk (supermaconha), duas pedras que aparentavam ser de crack, seis munições calibre 40 – das quais duas estavam intactas e as outras quatro eram deflagradas –, um cartucho de espingarda não utilizado, além de uma tesoura, carretel de linha e sacos plásticos, provavelmente utilizados para a embalagem dos narcóticos.

Os vizinhos que acompanhavam toda a ação confirmaram aos policiais que no apartamento havia comercialização de drogas e que eram constantemente ameaçados pelo grupo e por clientes dos mesmos.

A equipe Giro deu voz de prisão e encaminhou os quatro indivíduos para a Central de Flagrantes do 5º Distrito Policial. As duas mulheres tiveram o Auto de Prisão em Flagrante lavrado por tráfico de drogas e corrupção de menores. (VF)

***
Gostou?
7
0
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!