Policial é indiciado por matar guarda municipal e segue trabalhando - Folha de Boa Vista
RORAIMA
Policial é indiciado por matar guarda municipal e segue trabalhando
Segundo informações da PMRR, atualmente o policial está trabalhando no serviço administrativo
Por Marília Mesquita
Em 29/07/2021 às 08:00
O caso ocorreu no dia 03 de setembro do ano passado, na Rua Santo Agostinho, bairro Centenário. (Foto: Arquivo Folha BV)

O policial militar J.C.R.A, 40 anos foi indiciado pela Polícia Civil (PCRR) pela morte do guarda civil municipal Ezequiel Santos Barbosa de 29 anos. Caso ocorreu no bairro Centenário, em setembro do ano passado.

De acordo com a Polícia Civil foi instaurado um inquérito Policial na Delegacia Geral de Homicídios. 

O Policial foi indiciado pelos crimes de homicídio simples e disparo de arma de fogo em via pública, previsto no artigo 15 da Lei 10.826/2003.

Ainda de acordo com a PCRR, as investigações estão em fase de conclusão, aguardando somente resultado de uma perícia requerida pela autoridade policial, para ser relatado e encaminhado à Justiça.

De acordo com informações da Polícia Militar (PMRR), o caso está sendo apurado na Corregedoria da PMRR e atualmente policial se encontra trabalhando no serviço administrativo.

 CASO- O caso ocorreu no dia 03 de setembro do ano passado, na Rua Santo Agostinho, bairro Centenário.

Segundo imagens de uma câmera de segurança, o policial militar estava à paisana caminhando pela Rua, quando um carro modelo Logan para ao seu lado e o ocupante chama a sua atenção.

O motorista puxou a arma contra o policial, que revidou, e o tiroteio se inicia. O guarda municipal saiu do carro já baleado possivelmente na cabeça e caiu no chão. Nas imagens é possível perceber que o policial militar foi ferido na região do tórax.

O guarda municipal chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital Geral (HGR), porém não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. O policial militar chegou a ficar internado em estado grave no HGR.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
3
15
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!