PUBLICIDADE
ELEIÇÕES 2020
Parlamentares se movimentam para mudar de partidos antes das eleições
Políticos precisam fazer suas filiações até seis meses antes do período eleitoral
Por Paola Carvalho
Em 23/08/2019 às 00:25
Segundo o calendário eleitoral, os parlamentares têm até abril para mudar seus partidos; um dos deputados que se filiou ao Cidadania foi Chico Mozart (Fotos: Divulgação TRE-RR)

Com a proximidade das eleições municipais, muitos parlamentares em Roraima começaram a se movimentar para mudar de partidos. As mudanças já foram percebidas nas esferas federal, estadual e municipal, tanto na Capital quanto no interior do Estado. O prazo para que as alterações sejam definidas é até abril de 2020.

Segundo informações obtidas pelo Tribunal Regional Eleitoral de Roraima (TRE-RR), o prazo para filiação se encerra seis meses antes da data da eleição. Considerando que o pleito acontece em outubro, então, os parlamentares têm até meados de abril para oficializar a sua filiação. Antes, o prazo se encerrava com um ano de antecedência.

O motivo pelo qual tantos políticos têm se mobilizado para mudar de partido ainda este ano, ou seja, muito antes do período previsto, é por conta das articulações de cada sigla.

PUBLICIDADE

“Cada partido tem a sua peculiaridade, ou seja, cada gestor define quais serão as suas próximas ações, seu cronograma, as datas de eventos e filiações. É uma questão pessoal de cada partido. A Justiça Eleitoral só especifica que todas estas articulações ocorram até abril do ano que vem”, informou o Tribunal Regional Eleitoral de Roraima.

MUDANÇAS – A alteração mais recente do cenário político de Roraima foi a filiação do deputado estadual Chico Mozart ao Cidadania, em solenidade realizada em Brasília na manhã de quinta-feira, 22. Mozart estava sem partido desde o início do ano.

Durante a cerimônia, o parlamentar informou que se filiou ao partido focado na formulação de políticas públicas inteligentes. “Continuo com meus ideais de trabalhar pelo desenvolvimento de Roraima. O que me atraiu na legenda foi a visão de igualdade entre as pessoas, que nos últimos anos o Cidadania trabalhou como ideologia. Quero contribuir, dessa forma, paralelamente com a estrutura ideológica do partido”, destacou Mozart.

Em outras esferas, pode-se ressaltar as mudanças na esfera municipal e federal. Em recente entrevista à Rádio Folha 100.3 Fm, o vereador Ítalo Otávio informou sua saída do PR, porém, ainda não revelou suas pretensões, afirmando apenas que já recebeu propostas de outros partidos. Também em entrevista à Rádio Folha, a deputada federal Shéridan (PSDB) confirmou que uma das propostas partiu da sua sigla.

Em julho, o prefeito do Bonfim, Joner Chagas, saiu do PRTB e se filiou ao Republicanos. Vale ressaltar, por fim, que em janeiro deste ano, na esfera federal, foi a vez do senador Telmário Mota sair do PTB para o Pros. (P.C.)

***
Gostou?
0
3
Damiao disse: Em 23/08/2019 às 11:45:26

"Comerçou o quem dar mais. E o povo mais uma vez vai ser o palhaço."

SANTOS disse: Em 23/08/2019 às 11:32:53

"- Vai começar o leilão QUEM ME OFERECE MAIS?"