PUBLICIDADE
VAZAMENTO
Três parlamentares de Roraima se manifestam sobre gravações de Moro
Opinião em comum é que conteúdo das mensagens não interfere na importância da Operação Lava Jato para o país
Por Paola Carvalho
Em 28/06/2019 às 01:18
Haroldo afirma ter total confiança em Moro, mas Hiran Gonçalves considera ativismo do judiciário preocupante; para Telmário mensagens podem ter repercussão negativa para ministro (Fotos: Diane Sampaio (Hiran Gonçalves e Telmário Mota) Foto: Nilzete Franco (Haroldo Cathedral))

A recente divulgação de mensagens entre o ministro Sérgio Moro e o Procurador da República, Deltan Dallagnol, causaram grande repercussão no cenário político nacional, sendo o principal temor a possibilidade de o vazamento atingir o andamento da Operação Lava Jato.

A Operação que também tem grande importância para o cenário político em Roraima, visto que vários ex-parlamentares estão sendo investigados, a Folha entrou em contato com os deputados e senadores da bancada roraimense para saber o posicionamento deles sobre o assunto. De todos que foram procurados, somente três deles se posicionaram sobre o assunto, com pensamentos diversos entre si, porém, com um ponto em comum: sem questionar a importância da manutenção da Lava Jato.

O primeiro parlamentar, deputado federal Haroldo Cathedral (PSD), condenou o vazamento das mensagens e a forma como o conteúdo foi obtido, segundo ele, ilicitamente. O deputado diz ter receio da “obtenção ilícita de dados e a sua transmissão a terceiros”, sem a criteriosa apuração.

PUBLICIDADE

Já com relação à conduta do ministro Sérgio Moro, o deputado afirmou que tem total confiança no trabalho desenvolvido pelo agente público e considera a Lava Jato como a maior operação de combate à corrupção da história brasileira.

“Defendo que a Lava Jato está acima de qualquer dúvida e estas interceptações ilegais não diminuem a sua importância histórica para o país. Devemos lembrar que a corrupção realmente existiu e precisa ser enfrentada”, declarou Haroldo.

Já a possível troca de mensagens entre o juiz Sérgio Moro e o procurador Deltan não foi vista com bons olhos pelo coordenador da bancada de Roraima, deputado Hiran Gonçalves (PP). O parlamentar concorda que a Operação Lava Jato foi de grande importância para o país por ter conseguido frear uma corrupção histórica, mas ressalta que a situação é preocupante caso os diálogos forem comprovados como verdadeiros, por conta da ‘questão do ativismo do judiciário’.

“Acho que isso fere o estado democrático de direito. Deve haver uma absoluta independência entre o Poder Judiciário e o Ministério Público que é, enfim, o dono da ação penal. É inadmissível a gente ter um processo correndo na Justiça e descobrir que o promotor que ofereceu a denúncia está sendo orientado pelo juiz que vai julgar você, com o máximo de subsídio e estratégias para lhe condenar”, avaliou.

A Folha também entrou em contato com os demais deputados federais, porém, não recebeu retorno. Somente a Assessoria de Comunicação do deputado Jhonathan de Jesus (PRB) informou que o mesmo não iria se manifestar sobre o assunto.

SENADO – Por sua vez, o senador Telmário Mota (Pros) diz que o vazamento das mensagens é grave em vários aspectos, principalmente, por conta da invasão dos meios de comunicação de autoridades.

Porém, ressalta que a Lava Jato tem seu papel firmado na história do país, independente da divulgação das mensagens. “A Operação é um marco na história do Brasil, pois colocou na cadeia aqueles que se achavam acima do poder. Tanto na comunidade empresarial, quanto política", afirmou o parlamentar. "Se as mensagens forem verdadeiras prejudica muito os homens que estavam praticando elas, mas não a Operação", completou.

Assim como os representantes na Câmara Federal, a Folha também acionou os representantes do Estado no Senado, porém também não obteve retorno até o fechamento da matéria. (P.C.)

***
Gostou?
5
3
SANTOS disse: Em 28/06/2019 às 12:31:52

"O STF E A INTERCEPT - Este tema das conversas entre o então Juiz Federal Sérgio Moro e o Procurador Federal Danton Dallagnol já ultrapassou todos os limites da sandice da esquerdalha, no momento em que chegou aos gabinetes do STF. - Desnecessário ser magistrado, advogado, sequer Bacharel em Direito, para saber que em qualquer instância ou tribunal, do Brasil ou do mundo, é corriqueiro o contato entre o julgador e as partes de acusação e defesa (promotor e advogados). Então, qual a motivação da celeuma? Só uma resposta satisfaz: a inconformidade da esquerda com a derrota que lhe foi imposta a partir de outubro de 2018, quando o povo brasileiro decidiu eliminar, definitivamente, o projeto de perpetuação no poder encetado pelos políticos então no comando do País. - Os que rotulam as conversas entre o Magistrado e o MPF como falta ética ou comportamento imparcial no tocante ao objeto em foco (condenação do ex-presidente lula da silva no processo referente ao tríplex do Guarujá), esquecem que referidas conversas, mesmo que justificassem as alegações, foram conseguidas de forma criminosa, o que não se discute, o que nos leva diretamente ao governo petista, da impeachmada dilma Rousseff. - Naquela oportunidade, a presidenta, intentando blindar lula da silva com o cargo de Ministro-Chefe da Casa Civil da Presidência da República, através interceptação de telefone do então acusado e não da Presidenta, foi flagrada dando-lhe instruções quanto à assinatura do Termo de posse a lhe ser levado por um certo ?Bessias?. - Entretanto, o STF determinou que esse evento fosse desconsiderado por haver sido conseguido de forma ilegal, o que foi efetivado, apesar da escuta haver sido instalada no telefone do acusado, que não era resguardado pelo foro privileg iado como a Presidenta dilma. - Então, indaga-se: se aquela interceptação, que cristalinamente furtava-se à ilegalidade foi recusada como prova, porque agora, comprovamente criminosa as mensagens conseguidas pela Intercept terão que ser aceitas? - E os senhores deputado Hiran Gonçalves e o Senador Telmário Mota, que sempre integraram essa esquerda canalha, irresponsável, adeptas do ?quanto pior, melhor?, não podem alegar ignorância disso. - O STF, por sua vez, está tendo mais uma oportunidade de provar à sociedade que não faz parte de uma caterva da pior espécie, como fazem questão de demonstrar alguns de seus membros que agem de forma a envergonhar a Justiça e a Magistratura Brasileira, comportamento tão duramente repudiado por Ministros como Joaquim Barbosa e Roberto Barroso."

luluh disse: Em 28/06/2019 às 11:55:24

"contando os dias pra ver esse telmario fora do Senado, não faz nada . Alias ele faz isso : FALAR DOS OUTROS só isso que ele sabe fazer !! kkkk"

Falei e disse: Em 28/06/2019 às 09:17:12

"Quem liga p opinião do Telmário!"

Henrique Sérgio Nobre disse: Em 28/06/2019 às 08:34:08

"Louvável o posicionamento dos parlamentares federais de Roraima. O combate à corrupção é de suma importância para que se construa um país mais justo para todos, isto devido a que, quanto maior o alcance dos recursos públicos às camadas mais necessitadas da população, mais e mais teremos a tão sonhada justiça social. Não devemos nos esquecer que a maioria das mazelas enfrentadas por Roraima são devidas a dois fatores cruciais: A má gestão e a amaldiçoada corrupção."

Cruel disse: Em 28/06/2019 às 08:10:08

"Hiran mostrando quem é"