PUBLICIDADE
BEM-ESTAR
Pediatra dá dicas para adaptação de crianças à escola
Deixar com que a criança leve um brinquedo que goste para escola é uma das dicas da pediatra Ana Carolina Brito
Por Raisa Carvalho
Em 06/02/2019 às 09:20
As escolas devem oferecer um espaço para atividades lúdicas e recreação com ambiente adequado para cada idade (Foto: Nilzete Franco/Folha BV)

A adaptação da vida escolar para as crianças pode ser uma fase difícil, porém, existem dicas que podem trazer mais tranquilidade aos pais que levam os filhos para a escola pela primeira vez. De acordo com a pediatra Ana Carolina Brito, o período de início da vida escolar deve ser planejado com muito cuidado pelos pais e sempre que possível, deve envolver a participação das crianças. 

“É importante conhecer a estrutura física da escola e também sua proposta pedagógica antes do início das aulas. O planejamento das aulas deve ser avaliado pelos pais e todo o conteúdo que será desenvolvido ao longo do ano letivo. Dessa forma, os pais podem opinar e participar da vida escolar dos filhos e participar desse aprendizado” explica.

O período de início da vida escolar deve ser planejado com muito cuidado (Foto: Nilzete Franco/Folha BV)

As escolas devem oferecer um espaço para atividades lúdicas e recreação com ambiente adequado para cada idade, para evitar acidentes e desenvolver as habilidades de cada criança, facilita adaptação ao ambiente escolar.

“Os brinquedos remetem a criança o ambiente que ela já conhece e tornam mais atraentes ao ambiente escolar. Quando possível, é importante que a criança visite a escola, antes do período letivo, para se ambientar e assim os pais observarem como a criança reage ao novo ambiente” diz.

Segundo a pediatra, os primeiros dias de aula, devem ser programados junto com os professores, com relação à presença dos pais na escola e também a quantidade de tempo que as crianças devem ficar na instituição até atingir o horário previsto.

 “Também deve ser negociado a possibilidade de levar brinquedos para que a criança se sinta mais à vontade. É preciso ter muita paciência e conversar com as crianças sempre explicando sobre a nova rotina de frequentar a escola e reforçando de maneira positiva que essa experiência é boa, enriquecedora e muito divertida” relata.

Segundo a pediatra, os primeiros dias de aula, devem ser programados junto com os professores (Foto: Nilzete Franco/Folha BV)

Elogiar a criança por cada conquista e incentivar ao aprendizado reforça os laços parentais e deixa a criança mais segura para enfrentar esse novo desafio.

“A equipe pedagógica da escola, como os diretores, coordenadores, supervisores, orientadores educacionais e psicólogos, devem fazer parte do processo de adaptação das crianças junto com os pais. Atividades extra pedagógicas como prática de esportes, aprendizado de língua estrangeira e educação e atividades artísticas, podem deixar o ambiente escolar mais agradável” exemplifica a médica.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!