PUBLICIDADE
MODERNIZAÇÃO
Posto de Rorainópolis passa a operar em sistema digital
De acordo com Instituto de Identificação Odílio Cruz (IIOC), a implantação do novo mecanismo trará melhoras e agilidade na emissão de carteiras de identidade pelo órgão
Por Minervaldo Lopes
Em 05/06/2019 às 11:37
Com a implantação do sistema, o Instituto de Identificação espera reduzir o tempo de espera da população (Foto: Divulgação)

A partir de hoje o Posto de Identificação de Rorainópolis, situado no Sul do Estado, passa a operação de forma mais eficiente, graças à implantação de um sistema de modernização, que possibilita o envio de informações de forma digital.

De acordo com o diretor do Instituto de Identificação Odílio Cruz (IIOC), Amadeu Triani, a implantação do novo sistema é um marco para os serviços do órgão, uma vez que abandona de vez o sistema antigo de produção de carteiras de identidade.

“O posto de Rorainópolis já existe há bastante tempo e o atendimento realizado por lá era no método antigo, ou seja, com as pessoas sujando as mãos de tinta e a execução de todo um processo que demorava muito tempo, já que assim que uma carteira de identidade era solicitada, as informações tinham que ser inseridas de forma manual aqui no instituto de Boa Vista. Os dados da pessoa, a digitalização a imagem contida em fotografia 3x4, as impressões digitais, as assinaturas, tudo e inserido de forma manual”, detalho.

PUBLICIDADE

Triane destaca que as melhorias foram possíveis graças ao trabalho de parceria com outros órgãos, como a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp) e Defensoria Pública Estadual (DPE). Com a implantação do sistema, os tramites para a retirada da carteira passam a ser simplificados, diminuindo em 10 dias úteis o tempo de espera da população.

“Com isso, o tempo para que essa pessoa receba a carteira de identidade cai bastante, dando não só mais conforto, mas também uma resposta mais rápida para os moradores, que às vezes preferiam sair do município para solicitar o serviço na capital”, completou.

O próximo passo, segundo o diretor do IIOC, é estender as melhorias para postos de outros municípios.

“A média de atendimento antes era de 10 procedimentos por dia, e com essa modernização, acreditamos que essa média subirá para até 30 atendimentos. O próximo passo será implantar essa mesma melhoria para os postos de Pacaraima, que tem uma grande demanda”, concluiu.

***
Gostou?
4
1
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!