BEM-ESTAR
Projeto leva meditação a todos os municípios de Roraima
A iniciativa ocorrerá durante o mês de Dezembro e visa percorrer todos os municípios de Roraima
Por Folha Web
Em 04/12/2018 às 00:03
A prática meditativa é comprovada cientificamente como uma alternativa benéfica para o bem-estar da população (Foto: Divulgação)

Depressão, Ansiedade, Síndrome do Pânico e Estresse são problemas de saúde cada vez mais corriqueiros na sociedade moderna. A prática meditativa é comprovada cientificamente como uma alternativa benéfica para o bem-estar da população. Para informar sobre as várias técnicas de Meditação e contribuir com a saúde mental dos roraimenses, o Studio Yôga promove o projeto #MeditaRoraima.

A iniciativa ocorrerá durante o mês de Dezembro e visa percorrer todos os municípios de Roraima.  Toda a expedição será gravada e culminará em um documentário de 60 minutos para mostrar as experiências da população assistida em cada cidade.

O projeto é coordenado pelo casal de instrutores de Yôga Shirleni Moreira e Alexandre Guilherme. A ação tem o patrocínio da Locadora Perin, Machado Distribuidora, Perin Veículos, Vinhal Empreendimentos e do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Estado de Roraima.

Projeto ensina técnicas de meditação em todos os municípios de Roraima (Foto: Divulgação)

Meditação

A prática é milenar e começou a ser desenvolvida na Índia. Até a década passada, não contava com respaldo médico, mas agora os cientistas de importantes instituições, como por exemplo, as Universidades Yale e de Oregon, ressaltam que a Meditação é uma ferramenta poderosa para a melhoria do sistema cardiovascular, redução dos efeitos do estresse e da insônia, reforço do sistema imunológico, além de estimular a concentração.

Dados

Segundo os dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM) do Ministério da Saúde, Roraima é, proporcionalmente, o quinto estado com o maior número de registros de suicídios. De acordo com a pesquisa, a taxa é de 6,76 mortes para 100 mil habitantes. Para cálculo do número de suicidas per capita, pela população brasileira, foram usadas as estimativas intercensitárias disponibilizadas pelo DATASUS que, por sua vez, utiliza fontes do IBGE. Conforme o estudo, o Rio Grande do Sul é o primeiro colocado. Em seguida, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina e Piauí, respectivamente.

A prática é milenar e começou a ser desenvolvida na Índia (Foto: Divulgação)

Confira os municípios a serem visitados:

Mucajaí – 07 de dezembro

Iracema – 08 de dezembro

Caracaraí – 09 de dezembro

Rorainópolis – 10 de dezembro

São Luiz do Anauá – 11 de dezembro

São João da Baliza – 12 de dezembro

Caroebe – 13 de dezembro

Cantá – 14 de dezembro

Normandia – 15 de dezembro

Bonfim – 16 de dezembro

Alto Alegre – 17 de dezembro

Amajari – 18 de dezembro

Uiramutã – 19 de dezembro

Pacaraima – 21 de dezembro

Boa Vista – 22 de dezembro

***
Gostou?
5
1
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!