NOVOS E SEMINOVOS
Quase 10 mil veículos foram financiados em Roraima em 2017
Por Folha Web
Em 12/01/2018 às 01:43
No acumulado do ano até novembro, foram financiados 9.416 veículos no Estado (Foto: Hione Nunes)

Roraima registrou aumento de 6,8% em 2017 no financiamento de veículos novos e seminovos em comparação ao ano anterior. No acumulado do ano até novembro, foram financiados 9.416 veículos no Estado. Os dados incluem automóveis leves, motos e pesados. No período foram vendidos a crédito 6.967 automóveis leves, alta de 17,8% na comparação anual.

O levantamento foi feito pelas empresas B3 e a Cetip, depositária de títulos privados na América Latina. A B3 opera o Sistema Nacional de Gravames (SNG), base integrada de informações que reúne o cadastro das restrições financeiras de veículos dados como garantia em operações de crédito em todo o Brasil. O SNG impede que o processo de financiamento de veículos seja suscetível a fraudes sistêmicas.

Para o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Veículos em Roraima (Sindiveículos-RR), Vitor Hugo Perin, o aumento nas vendas de veículos no Estado foi impulsionado pelos financiamentos a pessoas jurídicas. “No ano passado ainda não houve crescimento da venda em varejo, mas houve aumento impulsionado pela venda da pessoa jurídica”, disse.

Conforme Perin, o aumento poderia ser ainda mais significativo não fosse a dificuldade na obtenção de crédito imposta pelos bancos. “O que enxergamos é que muitos clientes têm dificuldade de aprovação de crédito pelos bancos, pois ainda estão se regularizando da crise e limpando os nomes. As instituições financeiras enxergam restrição grande num passado recente, o que dificulta a análise de crédito”, explicou.

Com o objetivo de elevar o índice das vendas, as concessionárias implementaram estratégias para atrair a clientela, como aceitar o automóvel usado ou seminovo do cliente como entrada para a compra de outro veículo e diminuir as taxas de juros. “No semestre passado, o Sindicato organizou um feirão, em que trouxemos ofertas para o mercado. As ofertas estão atreladas às vantagens que os fabricantes trazem, constantemente dão bônus e diminuição de taxa para tentar trazer o cliente”, disse.

O presidente do sindicato afirmou que a expectativa em vendas para 2018 é ainda maior. “A tendência é que, pela baixa da taxa de juros no Brasil e baixa inflação, os bancos captem mais dinheiro e emprestem de forma mais barata e com análise mais branda no crédito”, frisou.

NÚMEROS - A Região Norte somou 251.288 veículos financiados no acumulado do ano até novembro, alta de 3,4% em relação ao mesmo período do ano passado. Deste total, os automóveis leves foram responsáveis por 162.693 das operações, enquanto as vendas financiadas de motos somaram 162.693 unidades.

O total de veículos financiados no Brasil no acumulado do ano até novembro somou 4.634.787 unidades, entre automóveis leves, motocicletas, pesados e outros, aumento de 10,2% em relação ao mesmo período de 2016. Desse total, as vendas a crédito de veículos novos atingiram 1.630.420 unidades, enquanto os usados chegaram a 3.004.367.

***
Gostou?
1
3
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!