Barriga que não some com dieta e exercícios pode ser devido a má postura - Folha de Boa Vista
SAÚDE MUSCULAR
Barriga que não some com dieta e exercícios pode ser devido a má postura
Fisioterapeuta afirma que o Pilates é adequado para corrigir a postura e também como atividade física
Por Folha Web
Em 14/06/2022 às 09:00
A fisioterapeuta Angélica Almeida em entrevista a Folha (Foto: Nilzete Franco/Folha BV)

A famosa “pochete” de gordura que incomoda tanta gente pode ser evidenciada com a má postura. Mesmo tentando eliminar a gordura localizada com dieta e exercícios, esse incômodo pode ser resultado de vícios posturais que desenvolvemos ao longo da vida. 

De acordo com a fisioterapeuta Angélica Almeida, esses vícios de postura podem ser adquiridos conforme a rotina da pessoa. “Se você passa muito tempo em pé ou sentado, você acaba adquirindo vícios posturais. É difícil alguém lembrar de manter a postura em sã consciência e a maioria dos locais de trabalho não tem uma estrutura adaptada adequadamente”, explicou. 

A tendência é que ao longo do tempo a coluna se encurve e fique sobrecarregada, enfraquecendo o abdômen e evidenciando a gordura da região.  Uma solução para fortalecer esse músculo é o pilates.

“O pilates trabalha justamente a questão dos músculos posturais, principalmente o abdômen. Todos os movimentos que você vai fazer você tem que concentrar a sua respiração juntamente com a contração do abdômen, trabalhando a musculatura e protegendo a coluna de um esforço além do que ela precisa fazer”, disse Angélica.

Os exercícios fortalecem a musculatura do abdômen (Foto: Arquivo Pessoal)

A coluna quando é sobrecarregada pode gerar diversas doenças, como escoliose, hérnia de disco e entre outros. “Então o pilates trabalha bastante nisso, não só na questão estética, mas também na prevenção de futuras doenças e distúrbios musculares”, explicou a fisioterapeuta. 

A profissional também garante que o pilates também pode ser incluído em rotinas como atividade física. "Você faz muita força, os exercícios têm intensidade. Tem gente que só consegue o resultado que quer no Pilates, não consegue na academia. Junto com a boa alimentação, ele pode auxiliar muito”.

Não há contra indicações para o exercício, o público se estende de bebês até idosos. “O ideal é que seja feito três vezes na semana, mas existem diferentes pacotes e exercícios para serem feitos em casa”, destacou Angélica. 



VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
9
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!