Novo medicamento auxilia no tratamento contra a obesidade - Folha de Boa Vista
SAÚDE
Novo medicamento auxilia no tratamento contra a obesidade
Endocrinologista diz que pesquisas vem reafirmando o resultado de medicamento para o emagrecimento
Por Folha Web
Em 15/06/2022 às 06:00
Medicamento está sendo avaliado para o uso no Brasil pela Anvisa (Foto: Divulgação)

Um novo medicamento vem se transformando em uma alternativa para o tratamento de obesidade, de acordo com o médico endocrinologista Cesar Penna, a tirzepatida foi um dos medicamento destaques durante congresso da Associação Americana de Diabetes. A nova droga atua no controle do peso e traz resultados benéficos para quem precisa emagrecer.

“O farmáco foi aprovado nos Estados Unidos, e será uma nova promessa para o tratamento de pessoas obesas” relatou. Uma pesquisa apontou que o medicamento é capaz de reduzir cerca de 20% do peso dos pacientes. A pesquisa foi realizada com 2.300 pacientes pela fabricante Eli Lilly.

“O fármaco simula a ação de dois hormônios secretados pelo intestino, GLP-1 e GIP, que atuam no controle da glicose, na promoção da saciedade e em mais uma porção de processos do corpo. “É uma mudança positiva que vem animando os médicos por seus resultados, no caso, o medicamento é aplicado semanalmente por uma seringa. Se for aprovado no Brasil, ele poderá estar disponível no próximo ano e por isso ainda não se sabe quanto ele custará, mas já se sabe que foi solicitado a Anvisa para o uso do medicamento também no país” explicou.


Como foi feita a pesquisa?

Em estudos clínicos, a tirzepatida, medicação para diabetes tipo 2, promoveu a perda de peso em adultos com obesidade ou sobrepeso. A taxa foi estimada entre 16,0% e 22,5%, dependendo da concentração.
Na fase 3 do estudo global T, mais de 5 mil voluntários com sobrepeso (com IMC entre 25 e 29,9) ou obesidade (IMC é superior a 30) foram recrutados. Inclusive, participantes brasileiros estiveram presentes na pesquisa, que foi dividida em seis ensaios clínicos. Em média, os tratamentos duraram cerca de 72 semanas, ou seja, um ano e meio.

“Os participantes que tomaram tirzepatida perderam em média até um quinto do seu peso corporal — e notavelmente, cerca de nove em cada dez participantes que tomaram tirzepatida perderam peso” finaliza o médico.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
9
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!