Sindicatos se reúnem com relator da LDO para apresentarem demandas - Folha de Boa Vista
ORÇAMENTO 2018
Sindicatos se reúnem com relator da LDO para apresentarem demandas
Por Folha Web
Em 20/06/2017 às 00:59
Deputado Jânio Xingu ouviu reivindicações de servidores públicos estaduais (Foto: SupCom/ALERR)

Representantes de 15 sindicatos de Roraima estiveram reunidos na tarde de ontem, 19, no plenário Noêmia Bastos Amazonas, da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR), com o relator do projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2018, deputado Jânio Xingu (PSL), para discutirem as problemáticas enfrentadas pelas categorias (ver página 5A).

Para o relator da LDO, é necessária que essa discussão aconteça para que a população participe do processo orçamentário do Estado. “Acho que o orçamento tem que ser discutido com a sociedade”, disse. Com o convite feito pelos sindicatos, Jânio Xingu não descartou mais reuniões, como a realizada nesta tarde, até a conclusão da Lei Orçamentária Anual (LOA), votada final do ano pelos parlamentares.

“Nesse momento estamos discutindo aqui parte do orçamento, como que se enquadram os funcionários do Estado, que passam de 21 mil. Tem funcionário diretor da Educação ganhando R$ 4.5 mil por mês, enquanto o diretor da Codesaima ganha R$ 18 mil. Um cargo não é menos relevante do que o outro”, explicou o deputado.

Para o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Civis Efetivos do Poder Executivo de Roraima (Sintraima), Francisco Figueira, o encontro serviu para mostrar que não deve haver diferença entre os Planos de Cargos, Carreiras e Remunerações (PCCR), buscando uma padronização entre todos os servidores públicos. Ele lembrou que em 2015 todas as representações sindicais mostraram força durante a realização de uma audiência pública que lotou as galerias da ALE-RR. Como resultado, enfatizou a consolidação do PCCR do Quadro Geral, parado há mais de dez anos.

Entre os pontos propostos na reunião, Figueira destacou a reivindicação do auxílio alimentação, para ser incorporado ao Orçamento do próximo ano. “Essa é uma meta de todos os sindicatos, que aquelas categorias que ainda não foram atendidas pelo auxílio alimentação, que tenham”, contestou.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
11
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!