Festival terá artistas roraimenses ao vivo - Folha de Boa Vista
FESTIVAL BOA VISTA LIVE
Festival terá artistas roraimenses ao vivo
O público curtirá as vozes do cantor Paulo Couto, dupla Thayná e Edson, Pablo Eliafaz e Ana Lu
Por Folha Web
Em 26/05/2020 às 14:53
Festival terá artistas roraimenses ao vivo (Foto: Divulgação)

Os músicos Paulo Couto, dupla Thayná e Edson, Pablo Eliafaz e Ana Lu serão os artistas do Festival Boa Vista Live do Bem, transmitido através do Facebook e do canal da prefeitura no Youtube A partir das 19h desta terça-feira, 26.

Paulo Couto

Músico de barzinho, Paulo Couto trará para o Boa Vista Live um repertório bem variado com MPB, pop rock, internacional e sertanejo. Ele já tem 10 anos de carreira, e começou em um festival de música na cidade de Rorainópolis, em 2010.

Edson e Thayná

Com um estilo MPB e internacional, a dupla Edson e Thayná trará uma seleção de músicas, incluindo sucessos da Adriana Calcanhotto, Vanessa da Mata, Tiago Iorc, até Alicia Keys e Bruno Mars. Desde 2019, a dupla uniu suas vozes formando essa parceria musical, compartilhando o dom cultivado desde a infância.

Pablo Eliafaz

Pablo Eliafaz com um estilo mais clássico, vai embalar o público do rock até o samba.  Momento de relembrar os sucessos de Elvis Presley, Bee Gees, Caetano Veloso, Nelson Gonçalves, Benito de Paula, Coldplay e muito mais. O jovem começou a tocar na noite em dezembro de 2019 e está aproveitando o apoio da prefeitura para seguir a carreira musical.

Ana Lu

Já a cantora Ana Lu trará o melhor do reggae e pop, tocando músicas autorais e sucessos de outros artistas como Bob Marley, Melim e Alceu Valença. Com oito anos de carreira, começando na banda Paricarana, da Universidade Federal de Roraima, ela tem um álbum e dois singles lançados em todas as plataformas digitais.

Festival Boa Vista Live do Bem

Esta é mais uma edição do evento, promovido pela Prefeitura de Boa Vista, por meio da Fundação de Educação, Turismo, Esporte e Cultura (Fetec). O festival tem o objetivo de levar alegria para o público em casa durante o período de distanciamento social por conta do coronavírus. 

O projeto visa ajudar financeiramente os artistas, que estão com os shows suspensos devido à pandemia. Eles se inscreveram por meio do edital aberto pela Fetec e, ao todo, 96 artistas se credenciaram e recebem cachês de R$ 1.000 a R$ 1.700.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
0
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!