PUBLICIDADE
PARA CRIANÇAS
Praça do Mirandinha ganha uma iguana gigante
As esculturas instaladas em três praças de Boa Vista trazem um novo conceito de brincar e aprender
Por Folha Web
Em 20/07/2019 às 17:03
As esculturas instaladas em três praças de Boa Vista trazem um novo conceito de brincar e aprender (Foto: Andrezza Mariot)

Nos últimos anos, Boa Vista, a Capital da Primeira Infância, tem ganhado espaços cada vez mais atrativos para a criançada. A novidade deste ano é a Selvinha Amazônica que já está sendo estendida para outros pontos turísticos. A nova escultura foi instalada na Praça do Mirandinha. O local recebeu uma iguana gigante que mede 9 metros de altura e pesa 13 toneladas. 

A ideia é proporcionar um novo conceito de brincar, aproximar as crianças dos animais típicos Amazônia e promover noções de preservação do meio ambiente. Os animais já  instalados em três locais de Boa Vista têm tamanhos gigantes, muitos com características infantis, como se fossem filhotes. O projeto está dentro das diretrizes da política pública da primeira infância, executadas em toda a cidade pela prefeita Teresa Surita.

“É um novo conceito de brinquedos onde você dá condições para as crianças interagirem e criarem brincadeiras novas. Foi provado que nos brinquedos tradicionais, as crianças ficam até um minuto, e num brinquedo como esse, a criança passa mais de uma hora. Isso porque ela interage, resolve os problemas que encontra e nesse processo ela tem um amadurecimento emocional na fase dela, que fica melhor quando ela se tornar adulta. Tudo isso é cientificamente provado” disse.

PUBLICIDADE

No Complexo Ayrton Senna é possível encontrar esculturas como tucano, tracajá, jandaia sol, papagaio, iguana, onça-pintada, sucuri, jacaré tinga e tamanduá. No Parque Germano Sampaio foi instalada uma onça-pintada gigante de 13 toneladas e 7 metros de altura. Outras praças receberão animais da Selvinha Amazônica.

Para a servidora pública, Suzana Nascimento, 40 anos, a atual gestão municipal valoriza as pessoas levando atrações para as crianças e as famílias.“Isso é valorizar a família, para estar junta e agregada. O Mirandinha é uma praça onde a gente pode fazer um piquenique, receber amigos. Então acredito que isto é pensar no bem-estar, não só do adolescente e da criança, mas na família como um todo” contou. 

Um novo conceito de brincar e aprender

A Selvinha Amazônica incorpora um conceito de brincar e aprender, com objetivos significativos para o desenvolvimento infantil, como:

·     

  • Incorporar noções de preservação do meio ambiente na formação escolar e familiar
  • Estimular a ocupação de praças e parques;
  •  Oferecer às famílias atrações interativas e com acessibilidade, fortalecendo vínculos;
  • Reforçar o aprendizado sobre elementos da nossa região;
  • Desenvolver atrações turísticas que destaquem a cidade;
  • Dar ênfase ao aspecto social, inclusivo, lúdico e de transformação urbana.
***
Gostou?
21
3
JARE CAMARA disse: Em 30/07/2019 às 12:53:43

"Muito boa esse incentivo da prefeita. Acho que deveria ter um animal em cada praça de Boa Vista."

JR disse: Em 20/07/2019 às 20:11:06

"Parabéns a Nobre Prefeita, enquanto crianças morrem no hospital Santo Antônio ela investi neste tipo de bobagem, por favor gente abram os olhos enquanto vocês aplaudem complicações e falta de material acontecem. Meu Deus!!!!!!!"

Falei e disse: Em 30/07/2019 às 08:20:34

"Sempre tem um do contra, pra falar besteiras, existem verbas para todos os fins, e o lazer está incluído."

Falei e disse: Em 30/07/2019 às 08:28:03

"Sempre tem 1 do contra para falar o que não sabe. Existem verbas para todos os fins: Saúde, Segurança, Urbanização, esporte, etc... e o lazer, que é o caso, também está incluído, depois ficam reclamando que em Boa Vista não tem lugar para levar seu filhos. Se vc não sabe, lazer também ajuda na saúde, ou vc prefere deixar seus filhos com a cara socado em um smartphone, comendo besteiras, ficando sucessível a doenças, para poder usufruir da verba hospitalar? "

Josue Ribeiro Jr disse: Em 31/07/2019 às 08:41:41

"Verdade, esse mesmo cidadão deve ser aquele que joga lixo na rua e depois reclama que a rua dele alaga quando chove e outras coisas do tipo. Lazer faz muito bem, e é bom para prevenir doenças; investir em saúde não é apenas hospitais e postos de saúde, é também qualidade de vida das pessoas, e lazer faz parte disso."