Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã - Folha de Boa Vista
VÍDEOS NO INSTAGRAM
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
De qualquer distância, "Meia Trocada" coloca a bola onde quer, seja no travessão, no ângulo da trave, no balde ou até em uma cesta alçada na baliza após executar uma "bicicleta"
Por Lucas Luckezie
Em 03/07/2022 às 14:00
Kaynan Andrade é de Mucajaí, no Sul de Roraima, mas ainda é desconhecido por boa parte dos roraimenses (Foto: Nilzete Franco/FolhaBV)

"Pega essa chapada com o Meia Trocada". É assim que o roraimense Kaynan Andrade, de sete anos, vocifera a cada vídeo finalizado após vencer desafios de futebol que nem todo adulto é capaz de vencer.

De pequena, média ou longa distância, Meia Trocada coloca a bola onde quer, seja no travessão, no ângulo da trave, no balde ou até em uma cesta alçada na baliza após executar uma bicicleta, o lance em que o jogador dá uma espécie de meio mortal para trás para chutar a bola no ar.

A post shared by Kaynan Andrade (@meia_trocada73)

O talento ganhou as redes sociais a partir de janeiro deste ano, quando o pai dele, o autônomo Mauro Andrade, 40, resolveu mostrar ao mundo o que ensinou ao filho no quintal de casa. Sem familiaridade com as mídias, ele contou com a ajuda da filha, a estudante Kayenne Silva de Andrade, 14, para criar o perfil Meia Trocada no Instagram.

"Não pensava que ia dar nisso tudo. Começou com uma brincadeira. Era só pra mostrar pra amigos e familiares que ele ia bem", contou Kayenne.

No início, o pai pensou em um apelido e em frases originais para o filho se apresentar nos vídeos. "Toda vez que eu pegava uma meia, só pegava uma branca e outra vermelha. Aí o pai teve a ideia de botar Meia Trocada", disse o garoto, que insiste até em incorporar o personagem pelas ruas de Mucajaí (RR), onde já é reconhecido: "Quando eu vou passear por aí, eu peço pro meu pai me deixar andar com as meias trocadas".

Em apenas seis meses, Kaynan Andrade se tornou um sucesso na internet. Os 114 vídeos postados, somados, totalizam quase 20 milhões de visualizações. Só nos últimos 30 dias, as postagens chegaram a mais de três milhões de perfis.

Em seu vídeo mais assistido, com mais de 2,6 milhões de visualizações, Kaynan Andrade acerta de forma consecutiva duas bolas no alvo: uma na cesta suspensa na trave e outra no travessão.

Em exibição especial à Folha, o menino demonstrou o que o pai já tinha revelado: nem sempre o filho acerta na primeira vez em que manda a bola ao alvo, mas é inegável o talento do menino, que pedala sobre a bola, faz embaixadinhas e  apresenta um chute potente com as duas pernas.

Tamanho talento chamou a atenção de mais de 204 mil perfis que lhe seguem em sua rede social online, que recentemente chegou a ser hackeado. Dos mais ilustres seguidores, estão o atacante Richarlison, do Tottenham (Inglaterra) e da seleção brasileira de futebol, e um dos maiores jogadores da história do futsal, o ex-ala Falcão.

Segundo Mauro Andrade, até agora ninguém mais do que o eterno craque do esporte da bola pesada tem dado mais apoio à carreira de Meia Trocada. Em breve, o pequeno, que já foi presenteado pelo Rei do Futsal com materiais esportivos de alta qualidade, deve a convite de Falcão viajar para gravar novos vídeos e participar de testes em clubes do Sudeste. A família também vai.

"A gente deve esse mérito a ele, que passou a admirar o meu filho. Ele posta, comenta as postagens. E todo tempo deu atenção pra ele. Um cara que tem um coração imenso e a humildade dele é do sangue", disse Mauro, agradecido a Falcão.

O Rei do Futsal gravou um vídeo para Kaynan, ao lado do influenciador digital do qual se tornou empresário, o baiano Iran Santana Alves, conhecido como Luva de Pedreiro - seguido por mais de 15 milhões de perfis no Instagram.

“Você é craque, moleque”, disse o ex-jogador.

“Meia Trocada, melhor do mundo, receba”, falou Luva.

E foram mais de dez propostas para agenciar a carreira do menino, enviadas por empresários do Brasil e até do exterior, que poderiam mudar completamente a vida financeira de toda a família, que mora na cidade situada no Sul de Roraima, onde vivem 18.482 habitantes. Também não são poucas  as críticas ao pai, por vezes acusado de querer explorar a exposição do filho.

"Se eu falar que não vou pensar em uma coisa melhor, eu vou estar mentindo. Mas a minha situação e o pensamenrlto maiores são a felicidade dele, porque pelo tanto de propostas que já recebemos, eu já tinha ido há dias", disse Mauro, sobre oportunidades oferecidas para deixar Roraima com a família.

Menino superou cisto, asma e problema renal

Saúde de Kaynan Andrade chegou a preocupar a família (Foto: Nilzete Franco/FolhaBV)

Apesar da pouca idade, Kaynan Andrade tem história de superação de saúde para compartilhar. Ele já retirou um cisto do pescoço e tratou de uma bactéria nos rins que o fazia urinar de forma escura, assustando os pais.

"Foi aí que me deu mais motivo pra eu colocá-lo no esporte. Fui descobrindo o talento dele", lembrou o pai sobre o problema renal.

Mas depois veio a asma, que ele também precisou vencer. "Quando a gente ia passear na casa dos nossos familiares, se tinha contato com ácaro e ele não ficava bom. Foi quando nos fechamos em casa e o pai dele começou a treiná-lo", disse a mãe, a professora Beatriz Leite, 33, sobre o esporte como solução para minimizar os problemas respiratórios do menino, entre idas e vindas ao consultório médico.

'Um dia a gente vai chegar lá'

Família administra o perfil Meia Trocada, uma equipe (Foto: Nilzete Franco/FolhaBV)

Quem conta o maior sonho da vida de Kaynan é o próprio menino, depois que a entrevista é interrompida por mais de 20 segundos pelo choro de Mauro. "A gente tem um sonho", emociona-se o autônomo.

"Ser jogador de futebol", completa Meia Trocada, que diz ser torcedor de times como o PSG (França), de Neymar Júnior, e da seleção brasileira, além de fã de Falcão e do atacante Cristiano Ronaldo, do Manchester United (Inglaterra), a quem imita frequentemente nos vídeos.

"Um dia a gente ia chegar lá nem que saísse de casa só eu e ele. Ficamos em casa e mostramos o talento dele para o mundo. E aí veio o Instagram, onde começamos a postar os vídeos e muita gente começou a assisti-los e curti-los", alegra-se Mauro.

"Fui me dedicando, dedicando, até ganhar mais seguidores", completou Kaynan.

O pai tenta no filho realizar o sonho que nunca conseguiu realizar para si, tampouco para a filha Kayenne, a quem tentou incentivar a jogar futebol. No entanto, ela não demonstrou tanto interesse.

Quando chove, Kaynan chuta ao alvo na varanda de casa (Foto: Nilzete Franco/FolhaBV)

Se no passado, tamanha intimidade com a bola motivou Mauro a treinar voluntariamente várias crianças de Mucajaí, em breve, o filho Kaynan, que absorveu todos os fundamentos e ensinamentos, pretende usar o seu sucesso em ascensão para ajudar outras crianças talentosas como ele, e ainda levar consigo o nome de Mucajaí para onde for.

Quando a emoção toma conta do pai, Kaynan lembra de uma conversa que teve com ele sobre o próprio sonho:

"Eu falei 'Pai, será que vai dar certo?' Aí ele falou: 'vai'. "Será?". Ele falou assim: 'Tu confia em mim?' Eu disse: 'Confio em tu e nós confiamos no cara lá de cima (Deus)'".

Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
"Pega essa chapada com o Meia Trocada". É assim que o roraimense Kaynan Andrade, de sete anos, vocifera a cada vídeo finalizado após vencer desafios de futebol que nem todo adulto é capaz de vencer
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
De pequena, média ou longa distância, Meia Trocada coloca a bola onde quer, seja no travessão, no ângulo da trave, no balde ou até em uma cesta alçada na baliza após executar uma bicicleta, o lance em que o jogador dá uma espécie de meio mortal para trás para chutar a bola no ar
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
O talento ganhou as redes sociais a partir de janeiro deste ano, quando o pai dele, o autônomo Mauro Andrade, 40, resolveu mostrar ao mundo o que ensinou ao filho no quintal de casa.
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
"Não pensava que ia dar nisso tudo. Começou com uma brincadeira. Era só pra mostrar pra amigos e familiares que ele ia bem", contou Kayenne
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
No início, o pai pensou em um apelido e em frases originais para o filho se apresentar nos vídeos. "Toda vez que eu pegava uma meia, só pegava uma branca e outra vermelha.
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
Aí o pai teve a ideia de botar Meia Trocada", disse o garoto, que insiste até em incorporar o personagem pelas ruas de Mucajaí (RR), onde já é reconhecido: "Quando eu vou passear por aí, eu peço pro meu pai me deixar andar com as meias trocadas".
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
Os 114 vídeos postados, somados, totalizam quase 20 milhões de visualizações. Só nos últimos 30 dias, as postagens chegaram a mais de três milhões de perfis.
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
Em exibição especial à Folha, o menino demonstrou o que o pai já tinha revelado: nem sempre o filho acerta na primeira vez em que manda a bola ao alvo, mas é inegável o talento do menino, que pedala sobre a bola, faz embaixadinhas e apresenta um chute potente com as duas pernas.
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
Vista 20 milhões de vezes na web, criança de Mucajaí tem Falcão como fã
VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
11
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!